Publicidade:

5 objetivos de poupança que deve ter aos 20 anos

Poupar é a palavra de ordem para todas as idades. Damos-lhe a conhecer alguns objetivos de poupança a ter em conta aos 20 anos.

5 objetivos de poupança que deve ter aos 20 anos
O que é aconselhável atingir financeiramente

Atualmente, uma carreira estável e bem-sucedida pode demorar mais tempo do que nas últimas décadas. Os jovens estudam até mais tarde e demoram mais tempo a sair de casa dos pais também. Contudo, ter alguns objetivos de poupança enquanto se está na casa dos 20 pode determinar as fundações financeiras sólidas a ter para o resto da vida.

Quer esteja a iniciar uma carreira, a fazer planos para casamentos ou nascimentos, a estabelecer um negocio próprio, a pensar e a poupar para comprar carro e casa, siga estes conselhos e tome algumas decisões “adultas”. Passos a dar ao longo de uma década de vida que podem fazer a diferença no futuro.

Que objetivos de poupança se deve ter aos 20 anos?

poupanca

1. Estabelecer o hábito de poupar dinheiro

É preciso convencermo-nos de que é obrigatório estabelecer um objetivo de poupança claro. Seja ele semanal, mensal ou anual. É importante aproveitar as promoções do supermercado, as épocas de saldos, campanhas de desconto para produtos que façam parte do dia-a-dia, etc. Há sempre dicas e pequenos comportamentos a adotar que podem fazer uma grande diferença, sem que isso signifique deixar de viver e aproveitar a vida.

2. Criar um “pé-de-meia”

Estamos a falar de um fundo para emergências. Para o caso de contrair dívidas, surgir algum problema ou situação que requeira um pagamento extra com o qual não contava. Acaba por ser um seguro à suas finanças. É recomendável começar com uma quantia confortável tendo em conta os seus ganhos e ir contribuindo à medida que for possível. Mantenha esta quantia numa conta poupança.

3. Dar prioridade à carreira

Se há uma altura da vida em que é importante pôr o trabalho em primeiro lugar é nos “vintes”. Felizmente, os números de desemprego têm baixado, o que está a permitir a muitos jovens começarem uma carreira de forma estável e com boas oportunidades. Isto vai permitir que, ao chegar aos 30, as questões financeiras estejam mais equilibradas.

4. Ganhos extra

Se ainda estiver a estudar e assim continuar durante algum tempo, é uma boa ideia ter um emprego a part-time que permita gerar alguma poupança. Vai estar aqui a dedicar-se ao trabalho e a colher os frutos dessa dedicação.

5. Investir

Começar a investir aos poucos é um dos objetivos de poupança mais inteligentes. Convém aconselhar-se junto do seu banco e de consultores, se quiser fazer um investimento, seja num negocio, em imóveis ou outros. Pode resultar em bons lucros, para um futuro confortável. Não siga riscos desnecessários.

Veja também:

Júlia Rocha Júlia Rocha

Licenciada em Ciências da Comunicação pela Universidade do Porto, sempre se deu bem com os livros, teclados de computador e canetas. A importância da palavra escrita num mundo tecnológico, aliada à história, ao cinema, literatura e televisão, são os seus maiores campos de interesse.