Precisa de um novo crédito? Entenda porque deve escolher o crédito consolidado

Precisa de mais um crédito porque tem mesmo de trocar de carro ou fazer obras em casa. A melhor solução para não acumular prestações? Recorrer ao crédito consolidado.

Precisa de um novo crédito? Entenda porque deve escolher o crédito consolidado
Juntar créditos e ficar a pagar uma única prestação mensal

Quanto paga mensalmente pelos vários créditos que tem? Sabe que pode juntar todos esses créditos num só e com isso passar a pagar uma única prestação mensal, poupando dinheiro ao final do mês e simplificando a gestão das contas? A isto chama-se crédito consolidado.

Antes de respondermos a estas questões, importa perceber que o crédito consolidado é uma solução financeira destinada precisamente a pessoas que têm diversos créditos (como créditos pessoais, cartão de crédito ou crédito automóvel) com montantes e prazos de pagamento distintos. Esta solução permite agregar todos os seus créditos, convertendo-os num único crédito com melhores condições, sem comissões, pode ter uma taxa de juro menor e um prazo de pagamento fixo.

Porque é que há-de estar a pagar várias prestações, taxas de juro elevadas e comissões por ter créditos dispersos, quando estes custos podem ser drasticamente reduzidos? Saiba porque deve escolher o crédito consolidado.

Crédito consolidado: troque todos os créditos por um só


precisa de novo credito

Precisa de um novo crédito para trocar de carro, fazer remodelações em casa, para um imprevisto financeiro ou mesmo para fazer aquela viagem de sonho que prometeu à família nas próximas férias de verão?

Seja para que finalidade for, o que o preocupa no momento é que vai ter de sobrecarregar o seu orçamento mensal com mais uma prestação. Isto partindo do princípio que já paga, por exemplo, a prestação de um crédito pessoal e de um cartão de crédito.

Portanto, neste momento, e além de outras despesas fixas, como a renda da casa, está a pagar dois créditos ao consumo e pretende contrair um terceiro. Passará a ter de desembolsar três prestações com créditos e como prevê que o seu rendimento ou o rendimento do seu agregado familiar não aumente a médio prazo, os encargos vão começar a pesar na sua organização orçamental.

Para deixar de ter dores de cabeça com esta situação, o melhor mesmo, em vez de contrair mais um crédito, é recorrer à consolidação de créditos, uma vez que passará a usufruir de um conjunto de vantagens. Entre elas, a possibilidade de obter um financiamento adicional para investir, por exemplo, num projeto pessoal.

Faça uma simulação de crédito consolidado na Cofidis >>

Vantagens (únicas) do crédito consolidado


precisa de novo credito

1. Uma única prestação mensal mais baixa

Ao juntar os créditos, aquilo que procura é uma situação em que todas as suas prestações mensais fiquem agregadas numa só. A consolidação possibilita o alargamento do prazo de pagamento do empréstimo e o pagamento de uma menor taxa de juro sobre o crédito. No final do mês, o valor que vai pagar de prestação do crédito consolidado será consideravelmente menor do que a soma das mensalidades que pagaria pelos vários créditos. Com uma única mensalidade mais baixa, tem mais liquidez durante o mês.

2. Pagamento da prestação num dia fixo do mês

Sente que tem uma total falta de controlo da sua conta bancária por ter várias prestações dispersas por diversos dias do mês? Ao recorrer ao crédito consolidado passará a pagar uma única prestação num dia fixo.

Faça uma simulação de crédito consolidado e saiba quanto fica a pagar por mês >>

3. Taxas de juro podem ser inferiores às dos vários créditos que possui

As taxas de juro do crédito consolidado são geralmente mais baixas do que as taxas de juro dos créditos ao consumo. Este é um dos fatores que permite uma poupança tão grande ao final do mês.

4. Um único credor e poupança em comissões

Ao recorrer ao crédito consolidado, a instituição financeira à qual pede o crédito liquidará os seus créditos atuais e, assim, em vez de ter várias entidades, passará a ter apenas uma.

Além disso, os custos avultados com comissões são outros dos encargos dos quais se verá livre quando consolida créditos. Isto porque, com a dispersão de créditos, está a pagar, todos os meses, várias comissões bancárias por manter várias contas separadas nos bancos onde contraiu crédito.

5. Acesso a mais financiamento

Ao recorrer a um crédito consolidado tem sempre a possibilidade de solicitar um valor adicional para, por exemplo, trocar de carro, fazer remodelações em casa ou mesmo para fazer a tal viagem de sonho que prometeu à família nas próximas férias de verão. Contudo, é fundamental que mantenha o seu orçamento equilibrado.

6. Processo é feito online

Sem sair da comodidade da sua casa, pode tratar de todo o processo online ou por telefone, sem complicações.

Veja duas simulações de crédito consolidado


Para exemplificar as vantagens da consolidação de créditos, conheça os casos concretos do João e da Susana.

João, gestor comercial

Consolidar Créditos

O João é gestor comercial, tem 40 anos, é casado e não tem filhos. O seu rendimento mensal familiar é de 3000€ e precisou de juntar mais um crédito pessoal aos dois créditos que já tinha (automóvel e cartão de crédito). Neste cenário, juntamente com a sua esposa, o João ficará a pagar três tipos de créditos distintos que, ao todo, perfazem um total de 20.000€. São eles:

  1. Crédito automóvel: 400€
  2. Crédito pessoal: 200€
  3. Cartão de crédito: 150€

No total, pagam 750€ por mês em despesas com créditos. Ao recorrerem, por exemplo, a uma consolidação de créditos, no valor de 20.000€, na Cofidis ficariam a pagar mensalmente 314,99€ (menos 435,01€), com prazo de pagamento em 96 meses*

*Cofidis: TAEG 12,4%, TAN 10,65%* e Montante Total Imputado ao Consumidor: 30.719,04€

Faça uma simulação de crédito consolidado e saiba quanto pode ficar a pagar mensalmente >>

Maria, professora

consolidar créditos

A Maria é professora, tem 42 anos de idade, é separada e tem uma filha de 17 anos. Tem um rendimento mensal familiar de 1300€ e agora que a filha vai entrar para a universidade precisa de contrair mais um crédito de 3.000€, a juntar a um crédito automóvel, crédito pessoal e cartão de crédito que já possuía. No total, tem em dívida um montante de 15.000€, sendo que:

  1. Crédito automóvel: 187,50€.
  2. Crédito pessoal (recheio de casa): 66,66€.
  3. Cartão de crédito: 83,33€.

No total, a Maria paga mensalmente 337,49 € por mês em despesas com créditos. Se a Maria contrair mais um crédito formação com um montante de 3.000€ para pagar em 36 meses, vai ficar a pagar mais uma mensalidade de 89,14€. Este valor somado às outras mensalidades totalizaria 426,63€ de prestações de créditos por mês.

Ao recorrer ao crédito consolidado, a Maria pode solicitar este valor adicional para suportar as despesas de formação da filha e reduzir o valor que paga por mês de créditos. Com um crédito consolidado, poderia solicitar o montante de 18.000€ e uma única mensalidade, em vez de quatro, num valor de 293,19€ em 96 meses. A Maria conseguiria reduzir 133,44€ do valor que pagaria mensalmente de prestações de crédito*.

*Cofidis: TAEG 13,6%, TAN 11,60% e Montante Total Imputado ao Consumidor: 28.578,24€

Faça uma simulação de crédito consolidado e saiba quanto pode ficar a pagar mensalmente >>

Crédito consolidado Cofidis: a solução certa para o seu caso


precisa de novo credito

O crédito consolidado da Cofidis permite consolidar desde os 5 mil até aos 50 mil euros, até um prazo de 120 meses. Além disso, há alguns fatores que diferenciam a Cofidis, a saber:

a) Não há comissão de análise do processo nem de abertura: se quiser realizar um crédito na Cofidis, contrariamente ao que acontece com muitas instituições, não necessita de pagar um montante adicional para abertura de crédito, tal como não precisa de pagar para ver o seu processo analisado (quer seja aceite ou recusado).

b) Não há comissões de amortização antecipada, total ou parcial: imagine que tem a possibilidade de liquidar o seu crédito antes do prazo final do pagamento. Neste caso, não precisa de pagar aquela percentagem adicional que costumam solicitar nestas situações.

c) As taxas de juro são fixas: não há mudanças inesperadas no prazo e a respetiva taxa de juro do empréstimo, o que consequentemente não fará a mensalidade oscilar.

d) A Cofidis liquida os seus créditos atuais: ao recorrer ao crédito consolidado Cofidis, poderá ficar descansado com esta fase do processo. A Cofidis liquida os créditos que tem nas várias instituições financeiras e trata de tudo por si.

e) O processo de contratação é feito online ou por telefone: trata-se de um processo simples que poderá tratar sem sair da comodidade da sua casa.

f) Redução de custos significativa: como não há lugar para cobrança de comissões e as taxas são fixas, as despesas associadas ao crédito são mais baixas.

g) Possibilidade de novo financiamento: pode solicitar um crédito consolidado para liquidar os empréstimos que já possui e ainda um financiamento adicional para um novo projeto.

Simule também o seu crédito consolidado na Cofidis >>

Veja também: