Publicidade:

Procurar emprego no Natal: 6 motivos para o fazer

Sim, deve procurar emprego no Natal, porque há mil e uma oportunidades que surgem por esta altura e porque um trabalho é o presente que quer no sapatinho.

Procurar emprego no Natal: 6 motivos para o fazer
Este pode ser o momento certo para conseguir trabalho

Desengane-se se pensa que de nada serve procurar emprego no Natal, porque é uma má altura, em que empresas e serviços estão parados ou concentrados unicamente nas festividades. Esta é uma ideia totalmente errada. Na verdade, a época natalícia pode ser o momento certo para conseguir o trabalho que tanto procura.

Um dos momentos mais relevantes para o mercado, de uma forma geral, é precisamente este. Há negócios que atingem o seu auge e surgem novas oportunidades, o que mostra que procurar emprego no Natal faz todo o sentido. Pode até ser algo sazonal ou com a para suprir uma necessidade pontual e, à partida, sem grandes perspetivas de futuro, mas por vezes esta pode ser a forma de dar a conhecer as suas capacidades, chamar a atenção dos empregadores e vir a conseguir um contrato.

Se está desempregado, se quer mudar de funções ou, simplesmente, ter um rendimento extra, deve mesmo iniciar a procura nesta altura. Esteja aberto a novas experiências, aproveite para fazer contactos e tirar o máximo partido de uma época em que, afinal, o espírito positivo está em alta.

Arrisque procurar emprego no Natal pois, pode ser uma aposta ganha. Se um trabalho é mesmo o que mais deseja receber no sapatinho, ponha mãos à obra e acredite.

6 boas razões para procurar emprego no Natal


reforço de natal

1. Negócios que crescem

No Natal há negócios que aumentam (e muito) o seu volume. É o caso, por exemplo, das lojas de brinquedos. O mesmo acontece noutras lojas – perfumaria, vestuário, casa – em especial nos centros comerciais, assim como em hipermercados, o que faz com que se abram vagas para novas contratações, de forma a garantir a resposta a todas as necessidades.

Em especial para quem procura um part-time, há grandes hipóteses de o conseguir nesta altura do ano.

Há casos que, por correrem tão bem, acabam por resultar em contratos a tempo inteiro e de longo prazo. Por isso, independentemente da situação mais ou menos precária que possa encontrar agora, é importante que dê sempre o seu melhor. Nunca se sabe o que lhe reserva o futuro.

Saiba como encontrar a sua oportunidade na procura por reforços de Natal >>

2. Serviços especiais

Para além de um aumento muito significativo de vendas em alguns setores de atividade, há ainda necessidades muito específicas relacionadas com a época, nomeadamente o embrulho de presentes. É certo que muita gente gosta de dar e receber, mas no toca a embrulhos, nem todos têm paciência ou jeito. Por isso, há pessoas contratadas especificamente para cumprir essa missão.

Se esta é uma atividade que aprecia e até tem alguma destreza para a cumprir num curto espaço de tempo, durante algumas horas, saiba onde pode candidatar-se ao lugar.

Há ainda outras oportunidades especiais para quem decide procurar emprego no Natal. Dependendo de algumas características e talentos, também eles distintos, pode vestir o papel de Pai Natal ou ajudante do mesmo, assim como integrar a equipa de um evento de animação dedicado à quadra festiva.

Há também muitas crianças de férias e a precisar de baby-sitter. Porque não?

São muitas as atividades onde pode participar, basta estar atento.

babysitting-e-os-cuidados-pediatricos

3. Menos concorrência

O facto de a maioria das pessoas considerar que o Natal é uma época parada no que respeita a novas contratações, são poucos os que se candidatam e alguns desses não estão disponíveis para entrevista, nomeadamente porque estão longe de casa.

Assim, a concorrência é claramente menor. Portanto, para os que decidem arriscar, esta pode ser a altura perfeita para procurar (e conseguir) emprego.

4. Ano novo a começar

Ano novo, vida nova. Este é um adágio popular bem conhecido e que, na verdade, traduz o objetivo de algumas pessoas e empresas. Procurar emprego no Natal é a grande oportunidade de conseguir concretizar essa ideia.

As empresas gostam de planear, atempadamente, o ano seguinte, de forma a garantir melhores resultados, o que pode incluir novas contratações. Para o efeito, o recrutamento de candidatos costuma ocorrer no mês de dezembro, de modo a que os escolhidos comecem a trabalhar em janeiro. Portanto, este é o momento.

5. Época de férias

Há pessoas que escolhem o Natal para tirar férias, o que faz com que alguns negócios tenham necessidade de contratar mão de obra para colmatar essas falhas.

Esta é uma das principais razões para procurar emprego no Natal, o facto de preencher estas necessidades, ainda que temporárias, permite-lhe ganhar experiência e não só. Ao estar no mercado, acederá mais facilmente a outras oportunidades dentro da área.

6. Mais contactos

Aproveite o espírito natalício e tire o máximo partido da sua vida social. O convívio proporcionado pelos jantares de empresas, amigos ou conhecidos, permite travar novos contactos que podem fazer toda a diferença.

Numa mera conversa, entre pessoas mais ou menos influentes, ligadas ou não às suas áreas de interesse, pode surgir uma vaga de emprego, uma oportunidade de negócio, uma necessidade ou parceria capaz de mudar a sua vida.

Estas são algumas das razões pelas quais pode e deve procurar emprego no Natal. A concretização do seu desejo depende essencialmente de si.

Boa sorte e bom Natal!

Veja também:

Elsa Santos Elsa Santos

Formada em comunicação, conta com uma vasta experiência na área. Do jornalismo ao marketing digital, a escrita é o elo comum. Apaixonada por histórias, tem desenvolvido, nos últimos anos, diversos projetos de storytelling, copywriting e locução. É mãe de duas crianças, o que não lhe dá superpoderes, mas a obriga a estar permanentemente ligada.