Publicidade:

6 dicas para garantir e melhorar a saúde das costas

Os problemas na coluna ou nas costas em geral fazem mais vítimas do que pode pensar. Aprenda a melhorar a saúde das costas para evitar quaisquer dores.

6 dicas para garantir e melhorar a saúde das costas
Se não quer ter problemas no futuro tem de começar já a cuidar da coluna

Cerca de 73% da população portuguesa sofre de pelo menos uma dor nas costas ao longo da vida e 420 mil destas pessoas já precisaram de uma baixa médica por este motivo. A verdade é que os problemas na coluna são um acumular de erros de postura constantes e diários. Desde a mala do dia-a-dia, onde coloca praticamente a casa inteira, até ao chapéu de praia para os dias de verão, sobrecarrega as suas costas vezes sem conta. Ora, chegou a altura certa para ter as melhores dicas para garantir a boa saúde das costas e alterar certos comportamentos.

Importa referir que as dores nas costas são a segunda causa mais frequente de idas às urgências hospitalares. Não admira, portanto, que representem cerca de 50% das causas de incapacidade física. Ora, tome nota das nossas dicas para não fazer parte destas estatísticas.

Como garantir a saúde das costas: 6 dicas


Horas a fio sentado a trabalhar em frente a um computador, sempre em posições desaconselháveis, são as grandes responsáveis por muitas dores nas costas. O sedentarismo tomou conta das pessoas e as marcas são bem visíveis. De facto, em Portugal os números são até preocupantes: 7 em cada 10 pessoas sofrem de dores nas costas.

Curiosamente, como se não bastassem as dores ao longo do ano, por vezes o problema agrava misteriosamente durante o verão. Talvez não se aperceba mas este fenómeno deve-se aos seus comportamentos em situações específicas, como as idas à praia.

Fique agora a conhecer 6 dicas para garantir que protege a saúde das costas e tem um verão e um inverno mais descansados (e menos dolorosos).

1. Sente-se corretamente

sentar-se corretamente ajuda a saúde das costas

A postura é mesmo a sua melhor arma contra os problemas nas costas. Se trabalha numa secretária sentado em frente a um computador então saiba que o primeiro passo é colocar o monitor ao nível dos olhos. As costas devem, claro, estar direitas e os ombros descontraídos.

É também muito importante que se levante de vez em quando para não passar longos períodos de tempo na mesma posição.

2. Escolha uma boa almofada

Se pensa que enquanto dorme deitado na sua cama não tem de se preocupar com a saúde das costas está enganado. Deve escolher uma almofada que garanta o alinhamento entre cabeça, pescoço e tronco enquanto tem um sono descansado – e a escolha deve ser feita de acordo com a posição em que costuma dormir.

3. Faça desporto

fazer desporto é bom para a saúde das costas

O verão e o bom tempo parecem os ingredientes perfeitos para praticar mais desporto, uma vez que o pode fazer ao ar livre – mas o inverno também não é desculpa para ficar no sofá. O exercício físico ajuda a prevenir as dores nas costas e a aumentar a flexibilidade corporal.

4. Tenha atenção ao tempo que passa na toalha

As idas à praia implicam passar muito tempo deitado da toalha sobre a areia e, geralmente, na mesma posição. Acontece que a areia não se molda ao formato das suas costas, pelo que pode ser prejudicial para a saúde da coluna vertebral – o melhor mesmo é usar uma espreguiçadeira ou, pelo menos, uma almofada de praia.

5. Não carregue muitos pesos

os pesos são nocivos para a saúde das costas

Se no dia-a-dia normal já é complicado evitar carregar malas e carteiras cheias e pesadas, nos dias de praia a missão parece mesmo impossível. O melhor é esvaziar a mala e arrumar apenas os objetos e bens imprescindíveis. Por outro lado, sempre que possível, deve optar por uma mochila de duas alças por oposição a uma mala de ombro.

6. Cuidado com os mergulhos

Talvez não saiba, mas mergulhos inseguros são a terceira causa de lesões na espinal medula. Deve ter atenção ao local onde mergulha, devido à profundidade e possíveis objetos no fundo, mas também à posição em que salta.

Veja também:

Inês Pereira Inês Pereira

Licenciada em Jornalismo e Pós-Graduada em Branding e Content Marketing, sempre se deu bem com a escrita. Embora prefira escrever com um teclado, não acredita nessa ideia de ler um livro através de um ecrã: um livro lê-se em papel e tem um marcador. Gosta de fotografia, de história e de conhecer o mundo.