Publicidade:

10 sinais de que o site de compras é uma fraude

Costuma comprar online? É importante ter atenção aos sinais de que o site de compras que frequenta possa ser uma fraude. Saiba como identificar.

10 sinais de que o site de compras é uma fraude
Tenha atenção aos sinais

Fraudes online são comuns, e infelizmente é muito fácil ser vítima de uma tentativa de phishing ou roubos. Os números de fraudes em compras online não param de subir e a facilidade com que se entra neste mundo não impede quem tem más intenções. É importante estar atento aos sinais e identificar que o site de compras que está a utilizar é válido e fiável.

10 sinais de que o site de compras é uma fraude

online shopping

1. O IP

Tenha atenção aos endereços de IP dos sites onde costuma fazer compras. À partida, sites nacionais são seguros, uma vez que existe mais controlo. O que não quer dizer que todos os sites estrangeiros sejam problemáticos, pelo contrário. Esteja atento à relação entre o endereço de IP e o país de onde a loja é originária.

2. Domínio vs. nome da loja

Tenha em atenção o nome da loja e o domínio do site de compras. Se quer comprar na Apple, normalmente deve ser apple.pt ou apple.com; nunca outro tipo de endereço e domínio que não fazem sentido. Nomes de marcas mal escritos também são um sinal.

3. Pedidos de informações fora do sítio

Um site de compras só lhe pede as informações pessoais, moradas e dados de pagamento quando leva a transação até ao final. Se lhe pedirem informações enquanto está apenas a ver os produtos, é mau sinal.

4. Política de devoluções

Se não encontra dados que oferecam informações credíveis sobre a política de devoluções da marca, tenha cuidado. Se não encontra condições para devolver o produto caso não esteja satisfeito, não vale a pena continuar com a compra.

5. Política de privacidade

O mesmo se aplica à política de privacidade. O facto de não existir uma política de privacidade clara e bem visível, sobretudo depois da entrada em vigor das novas regras de proteção de dados da União Europeia, pode ser um sinal de que o site não é fiável.

6. Falta de informação e contactos

Se uma breve nota sobre as origens da loja ou do produto, ou sobretudo se as informações sobre os contactos não estiverem disponíveis de forma visível e clara (até repetidamente ao longo da transação/visita ao site), tenha muita atenção. É um sinal de que a plataforma pode não ser fiável.

7. HTTP(S)

Todos os sites de compras ou e-commerce estão identificados com o https. O “s” significa “secure”, indicado que as operações de trocas de dados entre comprador e vendedor estão encriptadas e protegidas. Garanta que o endereço está completo.

8. Ser bom de mais para ser verdade

Quando a esmola é grande, o pobre desconfia. O produto parece-lhe demasiado barato? Erros ortográficos nas descrições? Pode ser um mau sinal.

9. Pagamentos

Quando não existe a opção de pagar com cartão de crédito, preste atenção. É quase 100% garantido que não é uma opção fiável. As transações através de cartão de crédito estão protegidas. Pedir que seja enviado dinheiro ou pedirem-lhe demasiado dados para débitos diretos… Pode não ser a melhor escolha.

10. Críticas

Se já desconfia de alguma coisa ou se nunca ouviu o nome do site antes, faça uma pesquisa por críticas ou depoimentos que possam ter sido feitos sobre o mesmo site de compras. A cortesia da internet de avisar o vizinho pode ser uma grande ajuda nestes casos.

Veja também:

Júlia Rocha Júlia Rocha

Licenciada em Ciências da Comunicação pela Universidade do Porto, sempre se deu bem com os livros, teclados de computador e canetas. A importância da palavra escrita num mundo tecnológico, aliada à história, ao cinema, literatura e televisão, são os seus maiores campos de interesse.