Publicidade:

10 dicas para superar o jet lag

Viajar pode ser tão gratificante quanto cansativo, sobretudo no caso de deslocações longas. Mas com as nossas 10 dicas é fácil superar o jet lag.

10 dicas para superar o jet lag
Contrarie os efeitos negativos das viagens longas

Seja em trabalho ou em lazer, fazer uma viagem longa de avião é uma promessa de descoberta e de enriquecimento pessoal e cultural. Mas as primeiras horas no destino podem ser dramáticas, devido à diferença dos fusos horários. Por isso, decidimos partilhar consigo 10 dicas para superar o jet lag.

Jet lag é o nome dado ao fenómeno que ocorre no nosso metabolismo quando atravessamos diferentes fusos horários numa viagem de avião. Designado também por ‘descompensação horária’ ou ‘disritmia circadiana’, consiste na alteração do nosso ritmo biológico.

Este impacto pode traduzir-se em sonolência, stress, cansaço, irritabilidade, falta de apetite e problemas de digestão, entre outros sintomas. A boa notícia é que há maneira de superar este lado chato das grandes viagens. De seguida, dizemos-lhe como, através de 10 medidas simples, mas eficazes.

Superar o jet lag: 10 conselhos para quem faz viagens longas


Prepare-se ainda em casa

Prepare-se para evitar o jet lag com antecedência

Prevenir é a melhor maneira de minimizar o jet lag e isso pode ser feito ainda antes da partida. Assim, comece uns dias antes, gradualmente, a adotar o horário do destino. O ideal é tentar fazer as refeições e dormir às horas a que é suposto fazê-lo no sítio para onde vai.

Mude a hora antes de levantar voo

Assim que entrar no avião, acerte o relógio para o fuso horário do destino. Assim, vai-se mentalizando para o novo ciclo circadiano, ou seja, para o novo ritmo biológico que o seu organismo terá de adotar. Se durante o voo for dia no destino, não caia na tentação de dormir.

Beba bastante água

A importância da hidratação

A hidratação é fundamental. Ingira bastantes líquidos, dando primazia à água, às infusões ou aos sumos naturais, não açucarados. A desidratação acentua os sintomas do jet lag. O ar do avião é fonte de desidratação, pelo que é fundamental seguir este conselho, nomeadamente durante e após a viagem.

Evite o café e as bebidas alcoólicas

Por outro lado, há bebidas que não deve ingerir, de forma a superar o jet lag de forma eficaz. Fuja das bebidas com cafeína, teína e refrigerantes. Também deve dizer não às bebidas alcoólicas. Estas bebidas provocam desidratação e alterações de sono, que deve evitar a todo o custo.

Faça refeições leves

Fazer refeições leves

Não fique muitas horas sem comer e, nomeadamente nas horas que antecedem a viagem, bem como durante a mesma, aposte em refeições leves, de fácil digestão. À chegada e nos primeiros dias, evitar alimentos a que não está habituado pode ser igualmente uma forma de acelerar o regresso à normalidade.

Evite medicação

Pode ser tentador tomar comprimidos para dormir e assim induzir o sono artificialmente, durante o voo, por exemplo. Mas, na verdade, esta estratégia não vai ajudar a superar o jet lag, pelo contrário. Se for importante para si dormir no voo e tem dificuldades em adormecer, leve consigo algumas saquetas de infusões calmantes e peça água quente no avião.

Se chegar durante o dia, não durma

Se chegar de dia, não durma

Quando se chega ao destino após uma longa viagem e não temos nenhum compromisso de imediato, a tentação é ir para o hotel e fazer uma sesta. No entanto, se chegar ao final da sua viagem ainda de dia, evite dormir, de forma a regular-se o mais rapidamente pelas rotinas e hábitos do local onde se encontra.

Se possível, faça escalas com dormida

Esta é, talvez, a forma mais eficiente de evitar o jet lag, mas é também a menos fácil de conseguir, uma vez que exige “gastar” mais dias na viagem. Em todo o caso, se puder dividir a viagem em mais do que uma etapa e puder dormir uma noite nessa escala, o impacto sobre o seu metabolismo será menos violento.

Apanhe sol

Apanhar sol ajuda a combater o jet lag

A vitamina D, que se pode obter através dos raios solares, tem grande influência sobre o nosso humor. Daí que aproveitar a luz do dia é uma boa prática para superar o jet lag. Se estiver numa viagem de trabalho, aproveite as horas de almoço e as pausas para ir até a um parque ou um jardim, apanhar ar e usufruir da luz solar.

Faça exercício no destino

Em viagem, mantenha a atividade física

Estar fora do país e do seu ambiente não é desculpa para não praticar exercício! Quase todos os hotéis disponibilizam ginásio. Mas bastam as ruas e os passeios da cidade para poder dar umas corridas ou fazer uma caminhada. Assim, não se esqueça de colocar na mala ténis e roupa prática e confortável. Apesar de vir no final da lista, este é igualmente um ótimo conselho para superar o jet lag.

Veja também: