Publicidade:

4 técnicas de memorização que deve usar

Precisa de aprender técnicas de memorização para ajudar em tarefas diárias, nos seus estudos ou no trabalho? Veja as nossas dicas.

4 técnicas de memorização que deve usar
Treine a sua capacidade de memorização

Sabia que aprender técnicas de memorização pode ser muito importante para si? Seja em contexto pessoal, de estudo ou de trabalho, esta é uma capacidade que deve desenvolver para realizar as tarefas diárias de forma mais eficaz – e, claro, promover mais qualidade de vida.

Sente que a memória está a falhar ou que poderia aperfeiçoar esta capacidade? Saiba que há dicas fundamentais, que poderá seguir para melhorar a sua performance em termos de memorização.

4 técnicas de memorização essenciais


tecnica de memorização

1. Saiba por onde começar

Saber por onde começar é o primeiro passo – fundamental – para melhorar a sua capacidade de memorização. Desta forma, se tem muito para ler e assimilar, poderá começar por dividir as páginas de leitura pelo número de dias que define como prazo máximo para concluir essa tarefa. Tenha o cuidado de ponderar quantas horas por dia dispensará para tal.

Nessa definição de dias, deverá também contemplar o tempo que necessita para a revisão da leitura efetuada.

2. Defina palavras-chave para cada segmento de texto

Esta técnica pode ser muito útil, pois não basta ler tudo se não assimilar. Assim, para cada segmento de texto que lê, cada parte em que divide o texto, defina palavras-chave que o ajudem a recordar-se de imediato do que foi lido.

Faça uma tabela de leitura e registe nos devidos locais essas palavras-chave que resumem o que foi lido em cada segmento. Pode, depois, levar essa ficha de leitura consigo e sempre que tiver um tempo, realizando a revisão necessária.

3. Repita o que aprendeu através de exercícios

Os exercícios em que tem de recorrer à memória para verificar se assimilou o que foi lido são essenciais. Se tem, por exemplo, que decorar uma fórmula, resolva, durante o dia, vários exercícios em que tenha que usá-la.

Lembre-se que a memorização só é eficiente se compreendermos a lógica, o raciocínio por detrás do que lemos. Efetivamente, temos de constantemente estimular as redes de neurónios cerebrais.

4. Encontre o equilíbrio saudável

Por fim, quando pensa em técnicas de memorização, não se pode esquecer de que as falhas de memória devem-se, muitas vezes, a falhas no nosso organismo – que funcionam como um sinal de que algo não está bem.

Por isso, cuide da sua saúde, alimentando-se bem, descartando o que não é necessário e tendo boas noites de sono. Tudo é um jogo de equilíbrio.

Estas são técnicas de memorização que deve mesmo ter em consideração se quer ter sucesso neste campo. Siga cada um dos passos que lhe deixamos e verá a sua capacidade de memorização aumentar substancialmente,. Acredite: este será de grande auxílio em várias atividades do seu quotidiano.

Veja também: