Publicidade:

Conheça os diferentes tipos de óleo de motor

Sabe quantos óleos lubrificantes existem num automóvel? Conheça os diferentes tipos de óleo de motor e descubra qual é o mais indicado para o seu carro.

Conheça os diferentes tipos de óleo de motor
Cada motor deve trabalhar com um tipo de óleo específico

É frequente dizer-se que “sem gasolina não vai a lado nenhum”, mas esta frase também se aplica ao óleo do motor, pois sem ele, também não irá a lado nenhum. Os líquidos lubrificantes são extremamente importantes para o funcionamento do carro, e dependendo das características de cada automóvel, cada um deverá usar diferentes tipos de óleo de motor.

O óleo tem como principal função lubrificar os componentes móveis do interior do motor, reduzindo o atrito entre as peças metálicas, fazendo com que tudo funcione na perfeição e com que as temperaturas não subam em demasia. Conheça então os diferentes tipos de óleo de motor e saiba escolher qual e o porquê de esse ser o mais adequado para o seu automóvel.

Tipos de óleo de motor


motor

Os óleos dividem-se em 3 categorias principais: minerais, sintéticos, semi-Sintéticos.

  • Os óleos minerais derivam do petróleo “cru”, sendo depois refinado para poder lubrificar as partes móveis do seu carro.
  • Os óleos sintéticos são produzidos artificialmente. São eficazes num intervalo de temperaturas maior e são capazes de funcionar durante muitos milhares de quilómetros, sendo altamente recomendados para os automóveis atuais.
  • Os óleos semi-sintéticos juntam um pouco o melhor dos dois outros tipos de óleos. Não aguentam tanto como um óleo totalmente sintético, mas também será significativamente mais barato. Por outro lado, serão muito mais eficazes e menos perigosos para o seu carro do que usar óleos minerais.

Dentro destas 3 principais categorias, existe em cada uma delas vários tipos de óleo de motor. Cada um difere de outro através dos aditivos, da viscosidade e da temperatura ideal de funcionamento, mas como os distinguir?

Como distinguir os diferentes tipos de óleo de motor?

Cada óleo tem a sua própria denominação, e se não os souber distinguir pela cor ou pelo preço (o óleo sintético é o mais caro, o semi-sintético é ligeiramente mais barato e óleo mineral é o mais barato de todos), então basta olhar para a designação. Em cada embalagem de óleo estão presentes dois algarismos separados por por uma letra, o W. Algo como 10W40, 20W40, 10W30… Existem vários tipos de óleo de motor, podemos até dizer que existem óleos para todos os gostos e carteiras.

O algarismo que antecede a letra W diz respeito ao comportamento do óleo quando o motor não está a trabalhar todavia à sua temperatura ideal. O algarismo que se procede à letra W faz referência à viscosidade do óleo. Um óleo “perfeito” será aquele que apresenta os dois algarismos mais baixos, pois é um óleo 100% sintético, pouco viscoso e com vários aditivos, que reduzirá ao máximo o atrito dos componentes internos do motor, que por consequência reduzirá também o consumo de combustível e as emissões de gases poluentes.

Quanto menor for a viscosidade de um óleo, mais fácil e rapidamente este chegará a todas as partes do motor, lubrificando desde logo os componentes internos na sua fase mais crítica, quando os metais estão mais frios, por isso dilatados, e fazem mais fricção uns contra os outros, impedindo assim que prolongue a vida do motor do seu carro.

Um óleo 5W30 será bastante mais eficaz que um óleo 15W30, porque a sua eficácia a temperaturas baixas é maior, e a sua viscosidade é menor. No entanto, o preço a pagar por um óleo de melhor qualidade será também (bastante) mais alto.

Como saber qual o tipo de óleo ideal para o meu carro?

Esta informação é tão fácil de saber como pegar no manual de instruções do seu automóvel e pesquisar na secção que fala sobe o motor. Todas as informações como os tipos de óleo de motor ideais, tipos de líquido refrigerante ideais ou pressão correta dos pneus poderão ser encontradas no livro de instruções que geralmente se encontra no porta-luvas da sua viatura.

Caso não consiga encontrar esta informação no manual de instruções, poderá sempre fazer uma breve pesquisa no Google sobre o tipo de óleo ideal para o seu carro, pesquisando pelo modelo, ano e (muito importante) pela motorização. Saber exatamente a cavalagem e cilindrada do motor do seu carro impedi-lo-á de comprar um óleo que não é adequado à sua viatura. Geralmente quanto mais moderno e mais potente for o seu carro, maior será a necessidade de colocar um óleo 100% sintético.

Nós aconselhamos a que todos os carros modernos circulem com um óleo nunca inferior a uma designação 5W30 (os preços rondam os 12€ por litro). Deste modo terá a certeza que o seu carro será capaz de circular cerca de 20.000km entre revisões e que todos os componentes internos estarão sempre bem lubrificados.

Veja também: 

Marvin Tortas Marvin Tortas

Licenciado em Ciências da Comunicação, homem do Norte, apaixonado por carros e com experiência em desporto automóvel. A seguir a mamã e papá, as palavras Ferrari, Mercedes, Audi e Fiat foram respetivamente as 3ª, 4ª, 5ª e 6ª palavras do seu vocabulário.

Também lhe pode interessar: