Publicidade:

Trabalho temporário no estrangeiro: oportunidades e recursos

Trabalho temporário no estrangeiro pode ser a solução ideal para trabalhadores sazonais ou para quem procura uma nova experiência.

Trabalho temporário no estrangeiro: oportunidades e recursos
Saiba onde procurar

Trabalho temporário no estrangeiro, sim ou não? Se ambiciona ter uma experiência profissional internacional, mas apenas por pouco tempo; ou simplesmente está a pensar emigrar e procura uma solução a curto prazo para se poder orientar nos primeiros meses, esta pode ser a solução ideal para si. O mesmo se aplica a trabalhadores sazonais, ligados ao turismo ou agricultura, por exemplo.

Desengane-se se pensa que as opções são limitadas. Não são. Ofertas não faltam e pode mesmo ficar surpreendido com algumas das possibilidades, que se traduzem em ofertas de emprego ou de estágios remunerados. Saiba onde procurar.

Trabalho temporário no estrangeiro: onde procurar


O primeiro passo baseia-se numa pesquisa de agências de trabalho temporário internacionais, algumas das quais bem conhecidas em Portugal. Sabe que pode assim confiar nas oportunidades mediadas por estas instituições. Deixamos-lhe alguns dos exemplos principais:

1. Adecco
2. Hays
3. Kelly Services
4. Manpower
5Michael Page
6. Synergie
7. Ray Human Capital
8. Randstad
9. D’ Accord

Além das agências, sites de emprego como a Indeed, por exemplo, têm portais enormes a nível internacional, com imensas oportunidades a nível temporário também. Aposte na presença internacional: é a melhor janela para trabalhar fora de Portugal. Damos-lhe mais alguns exemplos de sites de trabalho temporário no estrangeiro e não só, onde pode procurar emprego por área profissional e localização:

1. Indeed
2. Monster
3. CareerJet
4. CareerBuilder
5. AnyWork AnyWhere
6. International Careers & Jobs

trabalho temporario

Não deixe de visitar os portais Manda-te!, e o Emprego Pelo Mundo, que reúnem várias ofertas.
Ao seu dispor tem também programas específicos de trabalho temporário (estágios e não só) em entidades como Organização das Nações Unidas (ONU), União Europeia (UE) ou agências relacionadas. Onde encontrar estas ofertas? Nestes portais que lhe deixamos abaixo.

1. Trabalhar na União Europeia

Este site permite-lhe aceder a todas as ofertas de emprego temporário ou estágio para várias instituições da UE.

2. Eurobrussels

Disponibiliza ofertas de emprego para todas as instituições da União, só precisa de escolher a entidade, área, país ou tipo de contrato e ofertas não faltam.

3. UN Careers – Temporary Jobs

Aqui vai encontrar ofertas de emprego temporário nas Nações Unidas, bem como todas as indicações para se poder candidatar.

4. European Union – Temporary Staff

Aqui vai encontrar todas ofertas temporárias disponibilizadas pelas instituições e agências europeias.

5. UNICEF – Temporary Appointments

Também a UNICEF disponibiliza ofertas temporárias e compila-as numa página, onde ainda adiciona algumas informações adicionais.

6. EPA-Internships

Programas de estágios destinados a quem pretende ter experiências profissionais temporárias (ou até estudar), na Europa.


Dicas para trabalho temporário no estrangeiro

Depois da pesquisa e envio de candidaturas tenha em atenção alguns conselhos:

  • escolha bem o país e/ou cidade onde quer trabalhar, de acordo com sua área profissional, requisitos de entrada, regimes burocráticos, vistos de trabalho etc. Deve ser algo pragmático neste aspeto, já que se trata de uma oportunidade que se pretende temporária;
  • antes de partir, tente estabelecer contactos com outros portugueses que possam estar no mesmo destino;
  • quando chegar ao destino, ou até como alternativa caso a experiência laboral não seja a melhor, experimente fazer voluntariado – uma experiência inesquecível e enriquecedora;
  • prepare bem toda a documentação necessária;
  • estude a língua do país de destino, mesmo que não seja precisa para trabalhar. Ajuda-o a desenrascar-se no seu dia-a-dia, demonstra respeito pela cultura nativa e enriquece o seu currículo.

Veja também:

Júlia Rocha Júlia Rocha

Licenciada em Ciências da Comunicação pela Universidade do Porto, sempre se deu bem com os livros, teclados de computador e canetas. A importância da palavra escrita num mundo tecnológico, aliada à história, ao cinema, literatura e televisão, são os seus maiores campos de interesse.