Catarina Milheiro
Catarina Milheiro
27 Jul, 2022 - 16:39

8 cuidados com a casa nas férias: para um verão mais seguro

Catarina Milheiro

Vai estar fora uma ou duas semanas? Tem uma viagem planeada? Conheça os cuidados a ter com a casa nas férias.

O verão é provavelmente a época do ano em que passamos mais tempo fora de casa. Ou porque vamos viajar, marcamos uma escapadinha de fim-de-semana ou até um passeio prolongado, as hipóteses são várias. Mas o importante é conhecer os cuidados com a casa nas férias, principalmente a nível de segurança.

Por norma, é precisamente nas férias que acontecem alguns assaltos e outro tipo de percalços quando o assunto é a segurança dos nossos lares e bens. Por isso mesmo, é crucial sabermos o que fazer para podermos viajar descansados e sem preocupações.

Se vai passar umas férias longe de casa, saiba que cuidados deve ter para garantir a segurança do lar durante o período da sua ausência.

8 cuidados com a casa nas férias

1.

Não diga a toda a gente que vai de férias

A verdade é que a segurança da sua casa começa bem antes da partida para as suas férias tão desejadas e previamente planeadas. Assim, um dos cuidados a ter com a casa nas férias é não espalhar a notícia pelas redondezas.

Apesar de sabermos que nem sempre é fácil, o ideal é não comentar com os vizinhos ou estranhos que vai estar ausente num determinado período de tempo.

Se não tiver nenhum familiar ou amigo disponível para visitar a sua casa caso seja necessário, pode eventualmente informar um vizinho com que tenha mais confiança para estar atento. No entanto, o melhor é mesmo não espalhar a notícia para não ter surpresas desagradáveis.

2.

Não anuncie nas redes sociais que vai de férias

Vivemos numa era onde o digital faz parte do nosso dia-a-dia. Mas será que vale a pena anunciarmos nas nossas redes sociais para toda a gente que vamos de férias? Se refletirmos bem, todos irão saber que a sua casa estará mais desprotegida e vulnerável – por isso talvez não seja a melhor ideia.

Tente ser cuidadoso com aquilo que posta e restrinja ao máximo as pessoas que podem ter acesso às suas publicações ou histórias. Uma boa dica é criar uma lista de amigos chegados para que só eles saibam que se encontra ausente.

3.

Verifique todas as fechaduras

Duas ou três semanas antes de ir de férias, verifique todas as fechaduras de sua casa. Veja se estão todas a funcionar corretamente e em caso de dúvida, o melhor é chamar alguém para resolver o problema.

Muitas vezes as fechaduras estão avariadas e nem nos apercebemos – o que torna tudo muito mais fácil se tentarem assaltar a casa.

4.

Guarde os objetos de valor

Mesmo que tenha um cofre em casa para guardar todos os objetos de valor, é importante que saiba que hoje em dia já é possível arrombá-los (caso seja esse o intuito do furto).

Evidentemente que este tipo de situações não acontece com muita frequência principalmente se a sua casa estiver equipada com câmaras e alarme, mas a probabilidade existe.

Por isso, o ideal será espalhar os objetos por diferentes zonas e compartimentos da casa ou então optar por deixá-los num cofre no banco fora de casa. Desta forma, se alguém entra será mais difícil encontrar e levar tudo de uma só vez.

5.

Desligue a campainha

Um dos cuidados a ter com a casa nas férias é desligar a campainha. Ao fazê-lo, sempre que alguém tocar e ninguém atender, não estará a chamar a atenção dos vizinhos ou de estranhos que passem na rua.

Para além disto, desligar o telefone fixo também deve ser uma das coisas a fazer antes de ir de férias. Caso alguém ligue, não irá tocar vezes sem conta emitindo um som contínuo (a partir do qual se pode perceber que não está ninguém em casa).

6.

Desligue todos os aparelhos eletrónicos

Antes de sair de casa para partir para as suas férias, certifique-se de desligar todos os aparelhos eletrónicos como a televisão, candeeiros, rádios, telefone, internet ou secador, por exemplo.

Desta forma garante que nenhum curto-circuito ou incêndio possa acontecer, acabando por colocar a sua casa em perigo. Além disto, estará ainda a poupar energia na fatura da luz.

7.

Verifique se o seguro da casa está em dia

Verifique se tem o seguro da casa em dia e caso pretenda, pode aumentá-lo para o recheio. Sabemos que esta é uma opção mais dispendiosa, mas a verdade é que em caso de assalto ou incêndio, o seu lar e os seus bens estarão minimamente protegidos.

8.

Instale sistemas de segurança

Atualmente existem diversas opções de sistemas de segurança para imóveis disponíveis no mercado. Desde câmaras de vigilância, alarmes ou até vedações eletrificadas.

Optar por um destes sistemas de segurança é o ideal, principalmente para quem tem moradias (que estão mais desprotegidas por norma).

Existem também sistemas que permitem que acompanhe ao vivo a sua casa a partir do seu smartphone ou computador. Em alguns, consegue até virar as câmaras para visualizar melhor todas as áreas, emitir sons e ativar ou desativar o alarme sempre que quiser.

Deixar a sua casa segura sempre que se ausenta é essencial para prevenir situações complicadas como roubos, incêndios ou outro tipo de danos.

Por isso já sabe, siga estes cuidados e no caso de estar fora por um longo período de tempo, o melhor é mesmo apostar num bom sistema de segurança, bem como num cofre no banco.

Veja também