Publicidade:

Wall Street English a recrutar em Coimbra e Guimarães

A Wall Street English está a recrutar para os seus centros em Coimbra e Guimarães. Saiba em que consistem as oportunidades disponíveis.

Wall Street English a recrutar em Coimbra e Guimarães
Conheça as oportunidades em detalhe

Wall Street English nasceu em 1972, em Itália. Cresceu, expandiu-se e tem hoje mais de 400 centros em 27 países. Dedicam-se ao ensino e tutoria de inglês, com mais de 180 000 alunos a aprender e melhorar os seus conhecimentos todos os anos. Em Portugal há mais de 20 anos, o Wall Street English conta com 35 escolas de inglês em 14 distritos. A escola tem vagas de emprego para preencher no nosso país em Coimbra e Guimarães.

Trabalhar no Wall Street English


Para o centro Wall Street English em Coimbra, recruta-se um/a Customer Manager. Esta função tem como principais responsabilidades a receção e acompanhamento de clientes, o traçar e acompanhar de plano de estudos, apoio pós venda de forma a criar programa de motivação e fidelização dos clientes, interagir com alunos e participar em atividades de estudo bem como promoção das mesmas nas redes sociais do centro, gerir reclamações e pedidos para marcação de aulas, fazer trabalho administrativo e de apoio aos cursos e dar apoio logístico ao centro. Este profissional tem que ter excelente capacidade de comunicação, interação e iniciativa, assim como forte vocação para trabalho no setor de serviços e com público; ser fluente em inglês e português (falado e escrito), ter forte capacidade para trabalhar em equipa e por objetivos; e flexibilidade de horários, incluindo sábados de manhã. A empresa promete formação em inglês, dentro do seu pacote de receção, sendo que esta é uma oportunidade a full time. Pode apresentar a sua candidatura, aqui.

Para as instalações em Guimarães, recrutam-se, também a full timeprofessores e tutores de inglês. Procuram-se candidatos nativos da língua inglesa, comunicativos, dinâmicos, motivados, com espírito de equipa e vocação para o ensino. É importante ter certificação, como CAP ou equivalente (fator preferencial) e ser detentor de uma habilitação académica e/ou o exame TOEFL ou BULATS, assim como experiência no ensino. Pode candidatar-se, aqui.

Veja também: