Publicidade:

Máscara facial retirada do mercado por risco sério para a saúde

Máscara facial retirada do mercado é da empresa Pil'Aten. Infamed refere que a utilização do produto "pode colocar em sério risco a saúde humana".

Máscara facial retirada do mercado por risco sério para a saúde
Máscara facial Hydra-Suction Black Mask representa um risco grave

A Autoridade Nacional do Medicamento mandou retirar do mercado a máscara facial Hydra-Suction Black Mask, da empresa Pil’Aten, por não cumprir o regulamento comunitário e apresentar risco sério para a saúde humana, revelou o Infarmed.

Máscara facial retirada do mercado


De acordo com a Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde, a retirada foi ordenada depois de ter sido detetada pela autoridade competente que fiscaliza a comercialização deste produto cosmético “com origem desconhecida e cuja rotulagem não cumpre com o Regulamento (CE) n.º 1223/2009, de 30 de novembro”.

Assim, o Infarmed ordenou tanto a suspensão imediata da comercialização como a retirada do mercado de todas as unidades do referido produto, que foi detetado em embalagens unidose e de 60 gramas.

Riscos para a saúde levam à retirada da máscara facial do mercado

“A utilização deste produto pode colocar em sério risco a saúde humana”, alerta o Infarmed, que aconselha os consumidores que disponham deste produto a não o utilizar e a contactar a empresa VirtualVantagem Unipessoal, Lda. através dos endereços de correio eletrónico [email protected], [email protected] e [email protected].

Veja também: