Publicidade:

Milionário paga a quem o ajude a recriar versão real de videojogo

Local de trabalho: uma ilha secreta. Ordenado: 1700 € por dia. A tarefa: ajudar a recriar um ambiente de jogo battle royale para evento com 100 pessoas.

Milionário paga a quem o ajude a recriar versão real de videojogo
Saiba se tem o que é preciso

Um milionário paga a quem o ajudar a recriar versão real de videojogo. O objetivo deste recrutamento é arranjar alguém que possa ajudar a projetar a arena para um evento com 100 pessoas, inspirado nos videojogos de battle royale.

O local de trabalho é numa ilha particular e secreta, a duração prevista é de seis semanas e o ordenado é de 1700 € por dia, sendo que o valor total pode chegar aos 45 mil euros. Este emprego de sonho é ideal para fãs de videojogos de combates e batalhas.

É fã de videojogos? Esta proposta pode ser para si…


Este milionário deseja, para já, permanecer anónimo, e o seu objetivo final é reunir 100 pessoas para o famoso PUBG Battle Royale numa ilha deserta. Para tal, deve ser recriado ao pormenor todo o ambiente do jogo, embora com garantias de segurança absolutas e rigorosas, no qual tudo gira em torno da sobrevivência e, no final, só um jogador fica.

Se é fã de filmes e jogos de sobrevivência, esta será uma ótima oportunidade de ter uma experiência única e ganhar uma boa quantia de dinheiro, juntando o útil ao agradável. Também é importante ter experiência na criação de jogos ou organização de eventos e cenografia em larga escala. O assistente a contratar irá ajudar a planear o acontecimento e terá de ser “um talentoso gamemaker para ajudar a tornar o evento o mais realista possível”.

O género battle royale mistura elementos de sobrevivência, exploração e procura de equipamentos. A versão que o milionário pretende recriar, o Unknown’s Battlegrounds, foi lançada em 2017 e já vendeu, desde então, mais de 25 milhões de unidades em todo o mundo.

A oferta de emprego está publicada na HushHush, um marketplace internacional para produtos e serviços de luxo. Os interessados em apresentar candidatura, só têm de preencher um formulário online.

Veja também:

Inês Silva Inês Silva

Licenciada em Ciências da Comunicação pela Universidade da Beira Interior e com uma pós-graduação em Assessoria de Comunicação pela Escola Superior de Jornalismo do Porto, o seu percurso profissional foi sempre na área da comunicação com a criação dos mais diversos tipos de conteúdos.

Saiba tudo sobre emprego