Publicidade:

5 metas profissionais para 2018

Já fez planos para o desenvolvimento da sua carreira no futuro? Aqui ficam as nossas dicas para alcançar novas metas profissionais em 2018!

5 metas profissionais para 2018
Novas metas profissionais para novos desafios do mercado de trabalho

Acabado de entrar um novo ano, esta é a melhor altura para se lançar em direção a novas metas profissionais. Aceite as nossas dicas para ajudá-lo a definir, planear e alcançar novas metas profissionais em 2018, tendo em conta o contexto em que se situará o mundo laboral.

Bob Dylan compôs “The Times They Are A’ Changin’” há 54 anos atrás, mas os tempos continuam a mudar a uma velocidade estonteante, provavelmente agora mais do que nunca. A mudança de realidade é uma constante no mercado de trabalho e, por si só, obriga-nos a redefinir constantemente as nossas metas profissionais.

5 novas metas profissionais


O mundo em que vivemos está a atravessar uma revolução digital. A inteligência artificial está prestes a tornar-se numa realidade e ameaça tomar conta das nossas vidas. Tudo isto vai fazer com que o mercado de trabalho se adapte, e com ele, a nossa forma de trabalhar. A capacidade de nos adaptarmos a esses novos registos e métodos de trabalho será determinante para o sucesso tanto dos trabalhadores, como das empresas.

As novas tecnologias estão prestes a chegar, e entre elas, contam-se, por exemplo: os carros de condução automática, a “internet das coisas”,  a mobilidade partilhada, a inteligência artificial, a robótica, além de algumas inovações a nível da forma como comunicamos, de um modo geral. Tudo isto a curto prazo vai mudar também a nossa forma de trabalhar. Ficam 4 metas que o podem ajudar neste processo.

motivacao

1. Definição de objetivos de fora para dentro

Tendo em conta estas premissas, a primeira dica para alcançar novas metas profissionais em 2018 é: os objetivos em termos de “carreira” deverão partir sempre de uma abordagem “de fora para dentro”, ou seja, partindo não das necessidades da empresa mas sim das necessidades dos consumidores e do mundo exterior e da aprendizagem que estas mudanças de paradigma vão trazer.

2. Abraçar a tecnologia

A segunda dica é: manter-se a par do conhecimento digital. Seja por iniciativa própria do trabalhador, seja por intermédio de formações dadas pela empresa, é fundamental olhar por cima do ombro para todas as transformações no mundo digital que irão ocorrer durante 2018. Lembre-se sempre que mudanças trazem sempre novas oportunidades.

3. Soft skills ao comando

Tudo indica que para se conseguir alcançar em pleno todas as metas profissionais em 2018 será preciso ter: uma grande agilidade de aprendizagem; busca ininterrupta de conhecimento e ser capaz de tomar decisões que envolvam risco.

4. Auto-conhecimento na ordem do dia, sempre!

Tire algum tempo para fazer uma auto-reflexão sincera. Avalie as suas forças e fraquezas, as suas aspirações e sentido de propósito. Se tiver uma consciência plena de onde vem e para onde poderá ir, não significa que tudo será mais fácil, mas, pelo menos, tudo terá mais significado e conseguirá encontrar uma maior motivação para enfrentar os desafios decorrentes das suas opções profissionais.

5. Reinvente-se!

Mantenha a mente aberta e disponível para a reinvenção. Não se prenda a convenções. O que é verdade hoje poderá já não ser amanhã. Pense sempre além das convenções e nunca dê nada como dado adquirido. Isto aplica-se às áreas de trabalho a que se candidata.

Cada vez mais as empresas estão abertas a contratar perfis com valor, mesmo que provenham de áreas de conhecimento inesperadas ou pouco coincidentes com a função a ocupar.

Lembre-se, um curso não é um rótulo nem uma sentença: as pessoas do futuro trabalharão mais por projetos, e portanto serão vistas como repositórios de competências aplicáveis às mais distintas áreas.

Siga a tendência e arrisque!

Veja também: