Vai pedir chá ou café num avião? Pense duas vezes

Sabia que pode ser perigoso ingerir bebidas quentes à base de água durante um voo? Descubra a razão pela qual não deve pedir chá ou café num avião.

Vai pedir chá ou café num avião? Pense duas vezes
Eis por que não deve pedir bebidas quentes à base de água num avião

Sabia que não deve pedir chá ou café num avião? Uma coisa que parece tão banal como beber um chá ou um café a bordo é, de facto, perigoso para a saúde pública.

Após vários testes à qualidade da água usada para servir chás e cafés a bordo, a recomendação é mesmo que não peça nenhuma destas bebidas quentes e que sabem tão bem a qualquer altura do dia.

Não se deixe enganar pelo consolo e conforto que estas bebidas quentes proporcionam, pois a bordo a história é outra.

Descubra por que razão não deve pedir chá ou café num avião

Uma coisa é certa, a tripulação de bordo pode não lhe dizer, mas eles próprios nunca iriam pedir chá ou café num avião. É difícil sobreviver a um voo madrugador ou ao final do dia sem um copo de chá quentinho ou de café revitalizante. Mas a partir de agora, pense duas vezes antes de pedir chá ou café num avião.

De acordo com os membros das equipas de bordo, a tripulação de um voo não bebe água quente no avião, tampouco café simples ou chá simples, afirmou um assistente de bordo ao site Business Insider.

Investigadores da estação televisiva NBC 5 observaram que a água usada para chá e café é água que provém da torneira e não de uma garrafa, em pleno voo.

De acordo com uma amostra da Agência de Proteção Ambiental dos EUA de 2004, resultante de testes a 158 aviões, 13% continham bactérias indicadoras de contaminação (coliformes). Em 2 dos aviões encontraram E.coli (Escherichia coli) perigosa na água. Esta bactéria, quando em grandes quantidades, pode causar infeção intestinal e urinária.

Num estudo adicional da EPA, descobriu-se também que um 1 cada 8 aviões falha nos padrões relativos à segurança da água. Isto, por si só, indica que não deve mesmo pedir chá ou café num avião.

hospedeiras a servir cafe
Fonte da imagem: FITA Aviation

O que deve saber sobre a água a bordo

Nos EUA, a água a bordo é regulada pela Agência de Proteção Ambiental, sendo que é esta quem deve garantir que um avião transporta água potável. Contudo, o Business Insider constatou, junto da Associação dos Assistentes de Bordo (AFA-CWA), que o regulamento permite que a frequência com que testam as suas águas e limpam os tanques não seja tão frequente quanto isso.

A AFA informou ainda ao Business Insider que não considera que o regulamento seja aplicado de forma eficiente.

A bactéria E.Coli pode estar a ser transmitida enquanto a água está em trânsito, havendo mais micro-organismos nos meios de transporte da água do que na fonte original desta, podendo esta a ser transferida enquanto o camião faz a descarga da água para o avião.

O melhor é mesmo evitar pedir chá ou café num avião, sobretudo se for uma pessoa com um sistema imunológico comprometido. As restantes pessoas devem apenas pensar duas vezes antes de pedir estas bebidas e até mesmo antes de encher uma garrafa de água com água da torneira do avião.

Viaje com a TopAtlântico aos melhores preços. Mais informação. >>

Veja também: