Razões para abrir a sua própria empresa

Criar a sua própria empresa é um desafio e um risco mas é algo muito gratificante que poderá fazê-lo ganhar muito dinheiro ao mesmo tempo que faz algo que lhe dá prazer

Razões para abrir a sua própria empresa
Quer criar o seu próprio emprego e não tem coragem? Conheça algumas razões para criar o seu negócio.

Ter um negócio próprio é um sonho de muitas pessoas. Apesar de sermos um povo tipicamente conservador somos muito criativos e temos potencial para o empreendedorismo. Falta, por vezes, a coragem e a motivação para avançar. Para o ajudar a tomar a sua decisão, sugerimos que pense nas seguintes razões para abrir a sua própria empresa.


Liberdade e Flexibilidade:

Já reparou que uma grande parte do descontentamento laboral prende-se com a insatisfação com a chefia? Se tiver o seu próprio negócio não tem um chefe a quem prestar contas diariamente. Não tem de cumprir horários para impressionar (e sabemos tantas vezes que muitas pessoas estendem o horário de trabalho apenas para dizer que trabalham até mais tarde mesmo que não produzam mais).

Apesar destas vantagens, a criação de um negócio dá-lhe muitos chefes a quem tem de agradar — os seus clientes. Os clientes são exigentes e querem um bom serviço o que pode significar por vezes não ter um horário de trabalho, ter de trabalhar mais horas e ao fim-de-semana. Assim, é fundamental que pensemos sempre que o nosso negócio deve distinguir-se pela qualidade e pelo serviço... para agradar aos novos chefes!


TOME NOTA:
Pode estar indeciso mas ser empreendedor é uma ótima experiência que poderá levá-lo a ganhar muito dinheiro.

Risco:

No passado era comum pensar-se que ter um negócio próprio era um risco enorme. Uma grande incerteza pois nunca se sabe o que o futuro nos reserva. Os dias de hoje mostram-nos que ter um emprego por conta de outrem é igualmente arriscado. A empresa hoje existe mas pode ter de fechar portas nos próximos meses.

Pode parecer uma teoria mas ser empreendedor permite diversificar os riscos. Se tiver um bom negócio e um bom serviço estará dependente do seu trabalho para sobreviver e para fazer a sua empresa crescer.

Para aliar as vantagens do emprego por conta de outrem com as vantagens do próprio emprego por que não acumular os dois? Aliás, antes de pensar em lançar-se de cabeça num novo negócio será fundamental um esforço adicional para acumular os dois. Espere uns meses e desenvolva o seu negócio de modo a ganhar dimensão e volume de trabalho que compensem a mudança. Em última análise, poderá ter a possibilidade de contratar alguém para o ajudar e assim aumentar os seus rendimentos sem assumir mais riscos.


Satisfação pessoal:

Ter um negócio próprio dá-nos uma grande satisfação pessoal. Sentimos que estamos a construir algo que é nosso, que crescerá á nossa imagem e que nos possibilitará fazer a diferença na sociedade e nos nossos clientes. Pode obrigar a alguns sacrifícios mas acredite que vale a pena.


Dinheiro:

Enquanto está a trabalhar por conta de outrem a qualidade do seu serviço irá resultar no aumento da carteira do seu patrão (que assume o risco e alguns custos). Se trabalhar para si, apesar de ter de correr atrás da faturação, irá estar a construir uma máquina de fazer dinheiro que é sua. Os lucros são para si. Na prática, podendo ter alguns riscos, é a forma de maior sucesso para ganhar dinheiro e enriquecer.


Tem o perfil necessário?

Antes de se lançar como empreendedor deverá ter em atenção que nem todas as pessoas são talhadas para trabalhar por conta própria. Trabalhar por conta própria exige que tenha coragem e calma perante o risco. Que saiba gerir bem as suas finanças pessoais e as finanças da sua empresa. Que saiba pensar estrategicamente no seu negócio e ter a perseverança para lutar contra tudo e contra todos (mesmo contra o seu círculo mais próximo que está habituado a um estilo de vida profissional diferente daquele a que se está a propor).


Veja também: