Viajar de avião com um bebé: as 30 dicas indispensáveis

Recolhemos e organizamos as melhores dicas para viajar de avião com um bebé. Já pode respirar descansada, sabendo que não lhe vai escapar nada.

Viajar de avião com um bebé: as 30 dicas indispensáveis
Documentos, roupa, comida e brinquedos, está tudo previsto neste artigo.

Se viajar de avião já é uma fonte de stresse para grande parte das pessoas, viajar de avião com um bebé pode ser considerada uma verdadeira catástrofe. Toda a parafernália que precisa de prever, o espaço limitado, o comportamento do bebé ao longo do voo, a mudança das fraldas,... Sim, um pouco de ansiedade é justificada!

Não se preocupe mais: nós simplificamos todo o processo neste conjunto de dicas práticas e diretas. Preparada? Então, relaxe e tome nota:


30 dicas infalíveis para viajar de avião com um bebé

Pré voo

Escolher o voo e definir as suas condições
1. Se possível, selecione um voo noturno para o bebé manter a sua rotina de sono habitual;
2. Confirme com a companhia aérea a necessidade de o bebé ter um bilhete como “criança de colo”;
3. Por razões de segurança, sugerimos que reserve uma cadeirinha apropriada para o seu bebé - nota: pode ter um custo extra.
  Documentos a levar
4. Cartão de embarque;
5. Cartão de cidadão para validar a idade do bebé;
6. Nota: uma vez que não tem fotografia, a certidão de nascimento pode não ser aceite.

Proibições e restrições de líquidos e alimentos
7. São permitidos medicamentos, comida, leite ou sumo em quantidades razoáveis - nota: devem ser declarados para inspeção;
8. Ao preparar cada recipiente, considere como medida máxima os 100 ml.

Bagagem de mão
9. As crianças de colo só têm direito a levar um saco de fraldas, pelo que sugerimos que compre ou peça emprestado um bem grande.
 

No aeroporto

Chegue cedo
10. Normalmente, os passageiros com crianças estão autorizados a embarcar primeiro - para usufruir deste direito, terá de estar na porta de embarque atempadamente;
11. Viajar de avião com bebés exige tempo e paciência - reserve 2 horas para voos domésticos/ europeus e 3 horas para voos intercontinentais;
12. Nem todos os aviões estão equipados para troca de fraldas - para evitar ter de o fazer ao colo, tente trocar a fralda no aeroporto, antes de embarcar.

Carrinho de bebé
13. Para sua comodidade, mantenha-o consigo até ao embarque e faça, então, o seu check-gate.
 

Durante o voo

Essenciais
14. Quando viajar de avião com um bebé, não economize nos produtos de higiene – preveja bastantes fraldas, sem esquecer os toalhetes e creme para a muda; coloque ainda no saco um bom creme hidratante e doses individuais de soro fisiológico e compressas de gaze esterilizadas;
15. Leve uma bolsa com os medicamentos do seu bebé – para economizar espaço, coloque-os em pequenos boiões ou frascos;
16. Se o seu bebé utiliza, opte por levar pelo menos 2 chupetas – além de o acalmar, ajudam a lidar com as mudanças de pressão na descolagem e aterragem.
17. Dica extra: para as inevitáveis limpezas, coloque no saco guardanapos/lenços de papel e 1 ou 2 fraldas de pano; preveja também um saco de plástico para colocar o lixo e outro para panos e vestuário sujos.

Vestuário
18. Escolha roupa muito confortável e prática de despir/vestir – sugerimos um babygrow, com molas à frente; se necessário, acrescente depois camadas (um casaco, meias, etc.);
19. Preveja uma muda de roupa extra, completa.

Alimentação
20. Mastigar e engolir também ajudam a lidar com as mudanças de pressão - procure conjugar a alimentação com a descolagem e a aterragem;
21. A hidratação é essencial para o seu bebé – ofereça-lhe leite, água e/ou sumos naturais com frequência, usando um biberão ou copo adequado;
22. A quem não está a amamentar, e dentro do possível, sugerimos alimentos que minimizem a utilização de talheres, não necessitem de grande preparação/aquecimento e não causem muita sujidade – refeições pré-preparadas, biscoitos, pedacinhos de fruta, etc.;
23. Para facilitar a arrumação/acesso e evitar derrames, coloque as refeições e snacks preferidos do seu bebé em pequenos recipientes próprios para viagens;
24. Dica extra: independentemente da sua posição sobre doces no dia a dia, se o seu bebé já é mais velhinho, um chupa-chupa pode ser um grande aliado - não só acalma, como ajuda a minimizar os efeitos das mudanças de pressão.

Lazer
25. Quando viajar de avião com o seu bebé,  leve brinquedos que ele não conheça – a novidade é sempre apelativa, assegurando maiores períodos de distração.
26. Treine várias músicas infantis e pequenos jogos de viagem – prepare-se para os repetir vezes sem conta.
27. Utilize a tecnologia - sabemos que existe um preconceito contra este tipo de entretenimento, mas quando viajar de avião com um bebé não hesite em evitar birras, acalmando-o com um filme ou jogo adequado à idade (nota: carregue os equipamentos antes do voo).
28. Dica extra: leve também entretenimento para si - no cenário ideal de o bebé adormecer ao seu colo, o ideia é evitar acordá-lo: um ebook ou jogo no telefone/tablet são perfeitos para esta situação.

Atitude
29. Se viajar de avião com um bebé, vai perceber que ajuda muito ter a compreensão e simpatia dos outros passageiros – como se apanham mais moscas com mel do que com vinagre, uma sugestão é preparar e entregar às pessoas mais próximas saquinhos surpresa com os seguintes itens: alguns bombons, um par de tampões para os ouvidos e uma cartinha em que o bebé se apresenta e pede antecipadamente desculpa caso fique com medo, irritado ou com dores de ouvidos;
30. Por fim, use e abuse da simpatia, tentando manter sempre o bom humor – lembre-se que o voo vai ter mesmo de chegar ao fim e que tudo está bem quando acaba bem!

E pronto, resta-nos avisar que deve manter as suas expectativas realistas: afinal, até o mais doce dos anjinhos tem os seus dias maus... No entanto, temos a certeza que estas dicas o ajudarão a reduzir em muito quaisquer sinais de turbulência.

Boa sorte e bons voos!


Veja também: