Quer receber a melhor informação sobre impostos ?

Inscreva-se já e receba todas as dicas e notícias atualizadas ao minuto.

Ao clicar concordo receber comunicações de marketing directo enviadas por e-konomista.pt e pelos nossos Parceiros

Enviar

Restauração preocupada com IVA

Foi hoje a reunião entre a Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) e o secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, de forma a que o Governo defina de uma vez por todas como vai ficar definida a questão do IVA para a restauração.

Restauração preocupada com IVA
Taxa de IVA intermédia eliminada?

Recorde-se que o Governo propôs a possibilidade da taxa de IVA intermédia ser eliminada e todos os produtos que anteriormente eram taxados a 13% serem distribuídos entre a taxa reduzida e a normal.


A Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) indignou-se quanto a esta medida pois considera que tal será catastrófico para o sector, por colocar em causa a sobrevivência de muitas empresas do sector.


Se tal medida avançar, sempre que for a um restaurante, verá que a factura terá duas taxas de IVA, a normal para as bebidas e a reduzida para a alimentação.


A Associação, na reunião de hoje procurou uma resposta firme por parte do Governo, tendo em conta tudo o que está em jogo no sector do turismo. Além disso, 120 mil postos de trabalho podem correr o risco de serem eliminados, colocando mais pessoas no desemprego, aliado à perda de receitas na ordem dos 1,8 mil milhões de euros.


Depois da reunião, os comentários não foram muito concretos. Os empresários revelaram-se bastante preocupados com a possibilidade do IVA a 13% desaparecer pois não poderão reflectir este aumento no consumidor e por isso terão que tomar medidas.


Para tal a Associação ainda vai reunir com todos os empresários associados para discutir as melhores medidas a implementar no caso da alteração do IVA.

 

Veja também: como calcular o IVA?