Como poupar na lua de mel

Partilhamos algumas dicas e truques para poupar na lua de mel, para que não deixe de viver um dos momentos mais marcantes na vida do casal.

Como poupar na lua de mel
Uma lua de mel de sonho e barata é possível!

A tão ansiada lua de mel, por motivos económicos, muitas vezes acaba por ser adiada, sendo que em casos de adiamento, por norma, nunca chega a acontecer. Existirá a necessidade deste extremo? Descubra 7 dicas para não abdicar deste marco tão importante na sua vida de recém-casado.
 

7 dicas infalíveis para poupar na lua de mel

 
1. Se quer muito fazer a sua lua de mel de sonho, informe os convidados que tem uma lista de casamento na agência de viagens X, este será o presente dos convidados que assim o decidirem, provavelmente ficará com a sua lua de mel paga;
 
2. Pondere fazer a compra da sua lua de mel da forma tradicional em vez de utilizar a internet. Todas a opções são válidas, e aconselha-se que as pesquisas sejam feitas, mas as mesmas devem abranger o agente de viagens, que pode, por vezes, conseguir preços competitivos e com um serviço personalizado;
 
3. Ao decidir o tipo de turismo que pretende para a sua lua de mel (pode ser lazer, aventura, cultural, etc) decida-se então por destinos que estão em época média/baixa, isto reduzirá significativamente a fatura da sua viagem;
 
4. Faça uma pesquisa sobre os preços locais, e decida-se pelo destino que aparentemente terá custos mais baixos durante a estadia, desde a restauração, transportes até às excursões, tudo conta para poupar na lua de mel;
 
5. Viagens com o regime Tudo Incluído, feitas as contas, por vezes, acabam por ficar mais baratas. Na realidade, o ideal será projetar em papel uma estimativa dos gastos totais que poderá ter numa viagem onde só pagou inicialmente pelo alojamento e transporte;
 
6. Se costuma viajar muito, e tem algum cartão de fidelização com companhias aéreas, não hesite em usar as vantagens disso. Desde descontar pontos, até conseguir algum preço especial, tudo é possível, não deixe passar em branco essa oportunidade;
 
7. Reduza o tempo da estadia. A lua de mel, não tem que ser obrigatoriamente de uma semana, pode ir passar dois ou três dias a uma romântica capital europeia, mas antes confirme que conseguiu realmente preços mais baixos do que uma semana nas Caraíbas, já que não é impossível, com as escolhas erradas, cometer este erro.
 
Veja também: