17 dicas fenomenais para saber como poupar no Natal

Se já deu voltas à cabeça e não consegue descobrir como poupar no Natal, este artigo é para si. Vamos facilitar a sua vida com 17 passos simples.

17 dicas fenomenais para saber como poupar no Natal
Aproveite a época natalícia com as nossas dicas

Está a chegar a época natalícia e o tempo urge para garantir que consegue comprar todos os presentes ao preço mais baixo. Mas os gastos não ficam por aqui: comida, decoração e deslocações até casa dos familiares fazem parte da “prenda” total que torna o mês de dezembro um dos mais complicados do ano. Assim sendo, nada como poupar no Natal de forma simples e rápida.

Para que possa aproveitar de forma relaxada a quadra natalícia, sem colocar em risco o saldo bancário, é fundamental organizar as suas finanças, utilizar os recursos de que dispõe e, principalmente, evitar gastar mais dinheiro do que o necessário. Se quer saber como poupar no Natal basta seguir as nossas dicas.

Saiba como poupar no Natal


1. Faça as sua listas natalícias

Organize a época festiva com as listas essenciais. Comecemos pelos presentes: faça uma lista de todas as prendas que quer oferecer e defina um valor para cada uma delas. De seguida, faça a lista de compras para as refeições natalícias: da farinha aos ovos, sem esquecer o bacalhau ou as batatas, não se esqueça de colocar todos os ingredientes essenciais para confecionar os pratos típicos da época. Faça as contas à despesa e faça alguns ajustes para garantir que o orçamento não dispara.

lista

2. Planeie com antecedência

Nada como planear as compras de Natal com antecedência. Se optar por fazer as suas compras alguns dias ou semanas antes da quadra festiva, os preços estarão mais em conta. Pode ainda optar por criar uma poupança natalícia, na qual, todos os meses, vai colocando de parte 10 euros que gastará nesta época do ano.

3. Reutilize os materiais do ano passado

Não compre novas decorações de Natal: opte por utilizar as do ano passado, alterando apenas a sua disposição dentro de casa.

4. Aproveite os papéis de embrulho

Não deite fora todos os papéis de embrulho, laços e fitas dos presentes que recebe. Poderá reaproveitá-los no ano seguinte para embrulhar os seus presentes.

embrulhar presentes

5.  Esteja atento aos cupões

Esteja atento aos folhetos promocionais e aos cupões da época. Poderá conseguir descontos bem interessantes nos produtos que anda à procura há algum tempo. Garanta que não deixa passar o prazo dos cupões para não deixar passar em branco a promoção.

6. Compre online

Já ninguém vive desligado das redes. Assim sendo, opte por comprar os presentes nas lojas online. Na maior parte das vezes, encontra diversos descontos que não estão disponíveis nas lojas físicas. Tente fazer as suas compras online. Para garantir um desconto ainda maior, compre diversos produtos (se possível) para evitar o pagamento dos portes de envio.

7. Organize os seus jantares de Natal

Os jantares de Natal são perfeitos para rever amigos, sair da rotina e divertir-se mas, nesta altura do ano, isso pode roubar uma grande fatia ao seu orçamento mensal. Assim sendo, deixamos-lhe uma nova sugestão: organize os jantares em sua casa. Opte por menus simples e acessíveis e peça a cada convidado para completar a mesa do jantar com uma pequena oferta. Além de ficar mais barato, estão todos mais à vontade e “livres de relógios”.

jantares de natal

8. Ofereça presentes em conjunto

Opte por oferecer presentes em conjunto com amigos ou familiares: dessa forma o valor será diluído por todos e estará a poupar a sua carteira.

9. Compre sempre com dinheiro

Se quer saber como poupar no Natal, experimente comprar apenas com dinheiro. Se deixar o cartão de crédito em casa sempre que for às compras não vai perder a noção do saldo que está a gastar e conseguirá controlar o orçamento.

10. Produza os seus próprios presentes

Se tem jeito para o artesanato ou para a costura, pode sempre optar por prendas artesanais, as famosas “faça você mesmo” (“do it yourself”). Dessa forma estará a poupar e a oferecer presentes verdadeiramente únicos e irrepetíveis;

11. Seja criativo

Já que falamos de criatividade, poupe nas decorações de Natal apostando em pinhas, azevinho, galhos, pinheiro, bolas de papel, grinaldas com decorações antigas, jarras cheias de fruta da época (laranjas, tangerinas, nozes ou avelãs), fitas ou latas de conserva pintadas com motivos natalícios. Tudo feito por si a (quase) custo zero.

decoracao diy

12. Faça todas as compras no mesmo dia

Mais uma vez, terá de planear bem o dia. Decida qual o melhor dia para conseguir comprar todos os presentes e os produtos que necessita para decorar a casa e para as refeições da quadra. Dessa forma, vai evitar gastos extra com combustível e com os parques de estacionamento.

13. Poupe na energia

Se quer poupar na conta da luz, opte pela tecnologia LED. Se preferir, aposte em velas natalícias que ajudarão a criar um ambiente mais intimista e especial ao seu serão de Natal.

14. Amigo-secreto

Se o orçamento de toda a família é mais reduzido, opte pelo “amigo-secreto”. Assim sendo, cada familiar terá apenas de se preocupar com um presente e garantimos que a noite de Consoada será bem divertida na altura da entrega de cada uma das prendas.

prendas de natal

15. Estabeleça um valor máximo para as trocas de prendas

Em alternativa, se o seu objetivo passa por poupar no Natal, nada como optar por prendas de Natal até 5 euros. Consegue dar um pouco de si, todos recebem prendas dentro do mesmo valor e todos ficam felizes.

Lembre-se: os melhores presentes não são, necessariamente, os mais caros. Com um pouco de criatividade consegue agradar aos seus familiares e amigos sem gastar muito dinheiro e ainda oferece prendas únicas. Uma fotografia da sua família para os avós, compota de abóbora para os tios ou mesmo uma gola de lã são presentes baratos, fáceis de preparar e que levam de bónus o carinho de quem os fez.

16. Compare preços

Pode parecer óbvio, mas com a correria da época nem sempre conferimos e comparamos os preços praticados pelas diferentes lojas. Gaste algum do seu tempo nesta análise de mercado e poupe a sua conta bancária.

17. Aceite o contributo dos convidados para a ceia de natal

Se este ano a ceia e almoço de Natal são em sua casa, sejam muitos ou poucos, deixe que todos os convidados contribuam. Um simples gesto que permite aliviar o seu bolso e que acentua o sentimento de partilha e de comunidade.

Veja também: