7 dicas para ser um bom condutor e dar o exemplo

Saber conduzir é diferente de ser bom condutor. Com as nossas dicas e com muita prática, consegue chegar ao nível seguinte e tornar-se um ás na estrada

7 dicas para ser um bom condutor e dar o exemplo
Seja um exemplo na estrada

Todos os dias ouvimos falar em acidentes na estrada, desastres que muitas vezes podem ser evitados com facilidade, especialmente se dominarmos aquilo que fazemos quando estamos atrás do volante. Um bom condutor consegue evitar possíveis riscos – e multas – apenas ao praticar uma condução defensiva, e ao usar o seu bom-senso. Não basta dominar o carro para se conduzir bem, é preciso mais que isso.
 

7 dicas para ser um ás na estrada

 

1. Não tenha pressa

Não vale a pena circular em excesso de velocidade. Pode chegar onde quer mais rápido, mas arrisca-se a não reagir a tempo a um imprevisto. Ir em excesso de velocidade apenas aumenta o risco de acidente, e bater com o carro a 150 km/h não é o mesmo que bater a 50 km/h. Afinal, a pressa é inimiga da perfeição.

 

2. Dê espaço a outros condutores

Ser bom condutor não se limita à prática. Ser bem-educado também faz parte, e dar espaço aos outros condutores para entrarem na nossa via ou para fazerem manobras como deve ser é um excelente exemplo do que se deve fazer. Ninguém nos quer fazer perder tempo ou tirar o lugar, todos queremos chegar ao nosso destino.

 

3. Evite distrações

Já sabe que não pode conduzir enquanto joga Pokemon GO, mas há muitas outras distrações que podem vir a causar acidentes e não são consideradas. Não deve, por exemplo, comer, brincar com o rádio, ou maquilhar-se enquanto conduz. Deve estar sempre alerta, pois uns segundos são o suficiente para não ter tempo de reagir.

 

4. Mantenha a distância de segurança

Pegando no ponto anterior, um bom condutor mantém uma distância de segurança exatamente para ter tempo de reagir, aconteça o que acontecer. Mesmo que vá devagar, ir contra outro carro pode implicar centenas de euros em despesas, várias horas perdidas, e uma grande dor de cabeça.

 

5. Use os piscas

Os picas não devem ser ignorados pois são uma forma de comunicarmos quando estamos na estrada. Com eles, podemos expressar as nossas intenções e ajudar outros condutores a evitar acidentes e a serem mais dinâmicos: se usarmos os piscas, os outros não têm de estar a tentar adivinhar aquilo que vamos fazer.

 

6. Saiba como circular nas rotundas

Há muitos condutores que fazem as rotundas como pouco lhes apetece, mas um bom condutor fá-las como deve ser. Para tal, é preciso perder algum tempo a aprender a circular em rotundas como deve ser.

 

7. Mantenha a calma

Não é preciso passar muito tempo na estrada para ver outros condutores fazerem algumas asneiras. No entanto, perder a calma é um erro pois errar é humano, e se tivermos um comportamento agressivo no interior de máquinas capazes de atingir os 200 km/h, as coisas podem ficar feias.


Veja também: