AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

10 empregos a desaparecer: saiba quais são

Seja pela evolução tecnológica ou pela mudança de hábitos, há empregos a desaparecer. Saiba quais.

10 empregos a desaparecer: saiba quais são
Dez profissões que podem desaparecer nos próximos anos

Profissões que conhecemos desde sempre são agora empregos a desaparecer. O desenvolvimento tecnológico e o surgimento de novas formas de automação, bem como o fácil acesso à internet, são as principais causas destas alterações no mercado de trabalho.

Publicamos uma lista de 10 profissões em risco de desaparecer nos próximos anos.


Tendência: 10 empregos a desaparecer

 

Agente de Viagens

O Agente de viagem está a ser substituído pela internet. Utilizar software online para explorar destinos, comprar viagens e reservar hotéis é atualmente uma tarefa fácil para qualquer pessoa com ligação à internet.

E não podemos esquecer os motores de busca online que ajudam a comparar preços de viagens e até avisam quando viagens para determinados destinos ficam mais baratas.
 


Bancário

São cada vez menos os processos que exigem a deslocação dos clientes às filiais dos bancos. A maioria dos assuntos ficam resolvidos através da automação de procedimentos, caixas multibanco ou recorrendo ao serviços de Internet Banking. Estas são algumas das razões que contribuem para o bancário ser um dos empregos a desaparecer.

Prova desta tendência é já existirem, há alguns anos, bancos que funcionam apenas online e por telefone e sem instalações físicas abertas ao público.
 


Caixa de supermercado

Em algumas superfícies comerciais já começaram a surgir caixas de pagamento automático que dispensam a presença de funcionário, situação que começa a ser encarada com normalidade por parte dos clientes.
 


Carteiro

As cartas foram substituídas pelo email, pelas mensagens online. A tecnologia está cada vez mais acessível e não é preciso estar ao computador. Facilmente e a qualquer altura, recorrendo a um smartphone, são trocadas palavras sem ter que esperar muito pela resposta.

Não será um dos empregos a desaparecer totalmente, mas a tendência é reduzir o número de carteiros porque, apesar de ainda haver entregas, há várias empresas de prestação de serviços que optam pela fatura online em detrimento da tradicional fatura enviada pelo correio.
 


Contabilista

Os processos de contabilidade estão cada vez mais simplificados e automatizados. Exemplo disso é o aumento de entregas do IRS via online.
 


Distribuidor de jornais

Profissionais ligados à distribuição de jornais são mais um exemplo de empregos a desaparecer. Há cada vez mais adeptos dos jornais online, seja pela comodidade ou pela atualização mais frequente da informação. Os jornais em papel estão em vias de desaparecer logo, os distribuidores também.
 


Operário Fabril

Neste sector assiste-se a uma cada vez maior modernização tecnológica, grandes unidades industriais utilizam maquinarias com elevado nível de automação que substituem por completo o trabalho humano.
 


Profissional de serviços de reparação

Evolução tecnológica, várias tecnologias, automação para produzir em larga escala e reduzir custos. Comprar novo fica mais barato do que mandar arranjar. É tão simples quanto isto, esta é a razão da tendência para desaparecer esta profissão.
 


Taxista

“Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades”, seja por critérios de poupança ou preocupações ecológicas, as pessoas começam a preferir os transportes públicos, como o autocarro ou o metro, e as boleias partilhadas.

A dar uma ajuda está também a reorganização das cidades com tentativas de redução do trânsito, promovendo a utilização de transportes públicos e criando condições para a utilização de bicicletas.
 


Telefonista

Apesar de ainda ser possível encontrar empresas e organismos públicos com telefonistas e serviços de atendimento, este é mais um dos empregos a desaparecer. Os processo automáticos com gravação de voz que vão indicando as teclas que devemos carregar para obter a informação, é já muito comum.

A acrescentar a esta realidade, há também a facilidade com que é possível obter uma informação através de pesquisas online ou acedendo às páginas de internet oficiais.

Veja também: