Covid-19
Especial Covid-19
Descomplicamos a informação sobre o novo Coronavírus
Catarina Reis
Catarina Reis
03 Nov, 2016 - 12:09

Descubra o primeiro emprego dos principais políticos mundiais

Catarina Reis

Fique a saber qual o primeiro emprego dos políticos mundiais. Alguns vão surpreendê-lo!

Descubra o primeiro emprego dos principais políticos mundiais

Muitas vezes determinante para o sucesso profissional de cada um, o primeiro emprego pode ser exercido em áreas totalmente diferentes daquela para que nos formamos. Damos a conhecer o primeiro emprego dos políticos que governam o mundo.


Primeiro emprego dos líderes mundiais


Lee Hsien Loong, Primeiro-ministro de Singapura

placeholder-1x1

General das Forças Armadas de Singapura, com formação académica em Ciência de Computadores e, mais tarde, em Administração Pública.



Barack Obama, Presidente dos EUA

placeholder-1x1

O Presidente dos Estados Unidos da América começou a sua carreira com a função de Community Organizer, isto é, um dinamizador das comunidades locais de Chicago com vista à melhoria das suas condições de vida. Logo depois, passou a Diretor de Developing Communities Project.



Angela Merkel, Chanceler da Alemanha

placeholder-1x1

Membro do Conselho Distrital da Juventude Livre Alemã e secretária da cultura da Agitprop (Agiração e Propaganda). É fluente em Russo e licenciada em Física, tendo desenvolvido investigação na área da Química Quântica.



Jacob Zuma, Presidente da África do Sul

placeholder-1x1

O Presidente da África do Sul não participou em qualquer sistema formal de educação na sua infância e adolescência. Porém, o seu envolvimento em causas e instituições políticas foi precoce. Tornou-se membro do Congresso Nacional Africano em 1977, aos 35 anos.



David Cameron, ex-Primeiro-ministro do Reino Unido

placeholder-1x1

David Cameron começou por trabalhar no Conservative Research Department, abandonando mais tarde este cargo político para trabalhar na Carlton Communications. Um dos factos menos conhecidos sobre o ex-Primeiro-ministro do Reino Unido é que este realizou um gap year (ou ano sabático) após a conclusão dos seus estudos académicos, tendo trabalhado em Hong Kong durante três meses em funções administrativas.



Shinzo Abe, Primeiro-ministro do Japão

placeholder-1x1

Estudou Administração Pública e Ciência Política. Trabalhou na Kobe Steel, uma grande organização da indústria metalomecânica e logo a seguir como assistente de direção de vários representantes políticos.



Recep Tayyip Erdogan, Primeiro-ministro da República da Turquia

placeholder-1x1

Aos 13 anos de idade, enquanto estudava, o Primeiro-ministro da República da Turquia vendia limonada e biscoitos de sésamo para ganhar dinheiro. Estudou gestão e foi jogador de futebol semi-profissional.



François Hollande, Presidente da França

placeholder-1x1

Tal como muitos outros líderes políticos mundiais, Hollande começou cedo a envolver-se na vida política, tendo sido voluntário numa das campanhas eleitorais de François Miterrand, que o nomeou consultor económico júnior.



Vladimir Putin, Presidente da Federação Russa

placeholder-1x1

Fluente em Alemão e graduado em Direito, Putin trabalhou mais de 16 anos no KGB (Comité para a Segurança de Estado).

Veja também: