Os países mais igualitários para as mulheres

Os países mais igualitários para as mulheres são os escandinavos. Saiba quais as áreas em que há menor desigualdade de género.

Os países mais igualitários para as mulheres
Conheça os países onde a igualdade de género é primordial

A igualdade de género é uma das lutas mais antigas da História. Mesmo com o índice de países desenvolvidos, mesmo com toda a informação e cultura, mesmo depois de tanta discussão, continua a assistir-se a uma forte desigualdade de género em vários cantos do mundo. Por vezes, até nos sítios mais improváveis. As diferenças entre o homem e a mulher continuam a ser vincadas não só em contextos profissionais, como essencialmente em contextos sociais, o que marca muito os tempos que vivemos. 

O Fórum de Desigualdade Global de Género acaba de publicar o Relatório de Desigualdade Global de Género que revela as disparidades entre homens e mulheres em todo o mundo. Depois de analisados 109 países à luz de diversos indicadores, o primeiro dado a reter é de que nos últimos dez anos a desigualdade entre o sexo masculino e feminino apenas reduziu em 4 por cento. Isto só revela que ainda há um longo caminho a percorrer nesta matéria. Mas quais serão, afinal, os países mais igualitários para mulheres?
 

Os 10 países mais igualitários para as mulheres

 

1. Islândia

A Islândia é o país onde a desigualdade entre homens e mulheres é menor. Ainda assim, há ainda algum trabalho pela frente. O indicador que melhor posiciona as mulheres é a educação.
 

2. Noruega

Em geral, os países nórdicos já estão muito próximos do ideal referente à igualdade de género. Neste ranking dos países mais igualitários para as mulheres, a Noruega surge em segundo lugar. Em geral, o setor que neste momento se assume como o mais igualitário é a política.
 

3. Finlândia

Mais um país nórdico a ocupar a terceira posição do ranking. Na Finlândia, as mulheres já atingiram posições importantes essencialmente na educação e na saúde.
 

4. Suécia

A participação económica é muito importante para a afirmação da mulher nos Estados. Na suécia este é o indicador mais bem posicionado.
 

5. Irlanda

Na Irlanda, o indicador mais favorável às mulheres, neste momento, é a Política. 

E ainda...
6. Ruanda
7. Filipinas
8. Suíça
9. Eslovénia
10. Nova Zelândia


 

Principais indicadores de desigualdade

Economia
Quando se fala do fator economia, avalia-se aqui a participação das mulheres no mercado laboral, bem como a igualdade salarial entre géneros, que é uma das principais lutas.

Educação 
Outro dos fatores que pode ser avaliado quando estamos a definir os países mais igualitários para as mulheres é o acesso das mesmas à educação, desde a escola até à universidade. Os níveis de analfabetismo também são avaliados neste indicador.

Saúde    
No caso do indicador saúde, são avaliados os índices de nascimento dos homens e mulheres, comparando também a esperança média de vida.

Política
Quantas mulheres há na política hoje em dia? E que peso têm? É mesmo isso que este indicador avalia.


Veja também: