4 boas razões para ir ao Sri Lanka este ano

Para o ajudar a escolher o seu próximo destino de férias, preparamos este artigo com 4 boas razões para ir ao Sri Lanka. Espreite-as e boa viagem.

4 boas razões para ir ao Sri Lanka este ano
Cultura, diversidade, história e natureza

Quer marcar as suas próximas férias e não sabe para onde? Fizemos uma lista de 4 boas razões para ir ao Sri Lanka, que vai ajudá-lo a tomar a sua decisão. O Sri Lanka é um país diversificado e multicultural, com muitas etnias e religiões.

Com uma longa história de envolvimento internacional, com presença na ONU e sendo um dos países fundadores da Associação Sul-Asiática para a Cooperação Regional, o Sri Lanka é, junto com as Maldivas, um dos dois país asiáticos atualmente classificados com um nível alto do Índice de Desenvolvimento Humano.

No Sri Lanka, para além de deslumbrantes praias tropicais, maravilhas naturais e milhares de anos de património cultural, pode ainda encontrar desportos cheios de ação e imensas festas tradicionais.

Templos budistas antigas, exuberantes colinas verdes pontilhadas com plantações de chá, safaris para observar animais selvagens, são apenas algumas das muitas atividades que pode fazer na ilha que tem uma área de cerca de 65.000 km2 e, por isso, os visitantes não têm de fazer grandes distâncias para encontrar as diferentes atividades.

4 indiscutíveis razões para rumar ao Sri Lanka

1. Trilhos de Chá e Pico de Adão

Tea Trails

Fonte: Resplendent Ceylon

Os amantes de uma boa chávena de chá vão sentir-se em casa no Sri Lanka: o frio Hill Country é coberto com plantações de chá em cada inclinação disponível. Se é o seu caso, pode optar por ficar em Ceylon Tea Trails, que tem quatro bunglaows de luxo ligados por trilhos para caminhadas através de deslumbrantes jardins de chá.

A área de Ceylon Tea Trails cobre cerca de 2.000 km2 e produz 300 milhões de quilos de chá por ano. Aproveite, acorde cedo e suba à famosa montanha sagrada Adam’s Peak (Pico de Adão), que é referenciado como o primeiro lugar na terra onde Adão pisou depois de ter sido expulso do céu. Do alto dos 2.250 metros de Adam’s Peak é o local perfeito para ver o nascer do sol.

2. Orfanato de Elefantes Pinnawala

Pinnawala

Fonte: CitiesTips.com

Uma das indiscutíveis razões para ir ao Sri Lanka: o Orfanato de Elefantes Pinnawala. Tal como o nome sugere tem é um espaço único no cuidado destes adoráveis animais. É um autêntico sucesso no Sri Lanka a sua fama é já conhecida além fronteiras.

Atualmente, o Pinnawala é o lar para 93 elefantes e existe desde 1975. Na época, Pinnawala era uma área muito remota com plantações de coqueiros exuberantes e mais importante uma área onde havia muita disponibilidade de água, uma vez que perto passa o rio Ma oya.

Passe um tranquilo dia junto dos elefantes, seja a ver os mais pequenos serem alimentados com leite, os maiores com frutos ou mesmo o momento em que se banham no rio. Uma visita obrigatória para quem vai ao Sri Lanka.

3. Yala National Park

Yala National Park

Fonte: Pinterest

Yala combina uma rigorosa reserva natural com um parque nacional. Dividido em 5 blocos, o parque tem uma área protegida de cerca de 130.000 hectares de terra que consistem em florestas, pastos, tanques e lagoas. Dos cinco blocos apenas dois estão actualmente abertos ao público.

Situado no sudeste do Sri Lanka com o Oceano Índico como cenário, Yala foi designado um santuário da vida selvagem em 1900 e foi designado como parque nacional em 1938. Ironicamente, este parque foi inicialmente utilizado como um terreno de caça para a elite sob o domínio britânico.

Hoje em dia, Yala é o lar de 44 variedades de mamíferos e 215 espécies de aves. Entre os seus moradores mais famosos está a maior concentração mundial de leopardos, elefantes, ursos preguiça, chacais, pavões e crocodilos.

A melhor época para visitar Yala é entre fevereiro e julho, quando os níveis de água do parque são bastante baixos, permitindo que os animais se deixem ver. Esta vasta região de floresta seca e manchas abertas de pastagens é definitivamente uma das indiscutíveis razões para ir ao Sri Lanka.

4. Sigiriya e Lion Rock

Lion Rock

Fonte: YouTube

Sigiriya e Lion Rock, classificada como Património Mundial pela UNESCO e como a oitava maravilha do mundo pelos locais, é um antigo complexo composto por um palácio e uma fortaleza tem significativa importância arqueológica e atrai milhares de turistas todos os anos. É, provavelmente, o destino turístico mais visitado do Sri Lanka.

O palácio está localizado no coração da ilha entre as cidades de Dambulla e Habarane numa rocha, 370 metros acima do nível do mar. Esta rocha, a Lion Rock, formou-se a partir do magma de um vulcão extinto e é 200 metros mais alta do que as florestas que a rodeiam.

Com uma surpreende visão, os turistas sentem-se uma plena harmonia única entre a natureza e a imaginação humana.

No complexo de Sigiriya pode visitar as ruínas do palaio rodeado por uma extensa rede de fortificações, vastos jardins, lagos, canais, becos e fontes. Um espaço que foi um mosteiro budista, que já foi a residência real do Rei Kasyapa no século V e que, posteriormente, se tornou novamente no mosteiro budista até ao século XIV, quando foi abandonado.

Projetado na forma de um enorme leão de pedra, apenas os pés sobreviveram até hoje, tendo a parte de cima do corpo sido destruída. Graças a este leão, o palácio foi nomeado Sigiriya.

O termo Sigiriya origina-se da palavra Sihagri, que significa, Lion Rock. Em Lion Rock pode ainda ver os dezoito restantes frescos que datam ao reinado do Rei Kasyapa e que celebram a beleza feminina, tendo um incrível significado histórico.

Com estas 4 boas razões para ir ao Sri Lanka, agora só lhe falta marcar os seus voos e reservar o hotel com a trivago. Não deixe de conhecer a enorme variedade de hotéis ao seu dispor neste país asiático e encontre a melhor solução de alojamento, ao melhor preço. Ver hotéis no Sri Lanka >>

Veja também: