6 restaurantes que justificam uma viagem à Madeira

Conheça os 6 restaurantes que justificam uma viagem à Madeira. Uns mais típicos, outros mais descontraídos: há de tudo um pouco nesta pérola do Atlântico.

6 restaurantes que justificam uma viagem à Madeira
Porque comer bem faz parte da viagem

Funchal, Porto Santo, Câmara de Lobos são destinos com paisagens deslumbrantes e obrigatórios no seu passaporte. Mas a Madeira não é só feita de lindas vistas, pontos turísticos, festas e arraiais ou belezas naturais estonteantes.

A ilha é também feita de comida, muito boa comida, e oferece alguma da melhor gastronomia nacional. É por isto que o que não faltam são restaurantes que justificam uma viagem à Madeira.

Restaurantes que justificam uma viagem à Madeira: Funchal


A Muralha

espetada madeirense

Situado no centro histórico do Funchal, chamada a Zona Velha, A Muralha é um dos 6 restaurantes que justificam uma viagem à Madeira. Uma decoração clássica com toques de requinte, dedica-se sobretudo à gastronomia tradicional.

Os menus incluem entradas, pratos principais e sobremesas mas, se preferir, pode optar por petiscos para uma refeição mais leve. Aqui as especialidades são a espetada de carne ou de peixe, peixe espada com banana, bifes de vaca e bifanas de porco, todos regados com molhos regionais.

Se visitar A Muralha de quinta a domingo, tem ainda a oportunidade de usufruir de música ao vivo.

  • Quanto? 10 a 30 euros, por pessoa
  • Onde? Largo do Corpo Santo, n.º 2 – Núcleo Histórico de Santa Maria Zona Velha da Cidade; 9060-291 Santa Maria Maior
  • Horário? Segunda a domingo: 11h – 23h

Armazém do Sal

esparguete marisco

Numa rua sinuosa, num beco tradicional do Funchal, a viagem pode assustar um pouco, mas a visita vale bem a pena! Inaugurado em 2007, o Armazém do Sal já foi eleito como um dos melhores restaurantes da capital madeirense.

O ambiente é rústico mas requintado e a oferta gastronómica é muito à base de peixe, marisco, carne e massa. Destaque para a qualidade dos bifes e das diversas sobremesas tradicionais da madeira. Com alguma frequência pode, também, assistir a música ao vivo.

  • Quanto? 10 a 30, euros por pessoa
  • Onde? Rua da Alfândega, n.º 135; 9000- 059 Sé
  • Horário? Segunda a sexta: 12h – 15h; 18h30 – 23h; Sábados:  18h30 – 23h

Restaurantes que justificam uma visita à Madeira: Porto Santo


Casa do Velho Dragoeiro

marisco

Rumamos agora a Porto Santo, para uma visita ao restaurante Casa do Velho Dragoeiro, considerado como um dos melhores restaurantes da ilha, em Vila Baleira, bem juntinho à praia e ao Forte de São José.

São vários os pratos de peixe, marisco e de bacalhau oferecidos, alguns com receitas originais da casa. Já relativamente à oferta de carnes, de destacar a barriga de porco recheada, o frango caseiro à Dragoeiro, leitão à moda da avó Lena, a cataplana de borrego, o ossobuco e a parrilhada de carne à Dragoeiro.

Se por acaso se rendeu à comida vegetariana, não deixe de visitar este restaurante, pois tem pratos deliciosos.

  • Quanto? 15 a 30 euros, por pessoa
  • Onde? Rua Manuel Gregorio Pestana, n.º16 A; 9400-172 Porto Santo
  • Horário? Segunda a domingo: 12h30 – 16h00; 19h00 – 22h30

Panorama Restaurante

atum grelhado

Chegamos a um dos restaurantes mais recomendados de Porto Santo: o Panorama Restaurant & Lounge Bar. Variando entre a gastronomia madeirense e a internacional, este é, sem dúvida, um dos restaurantes que justifica uma viagem à Madeira.

Tal como o próprio nome indica, um dos ex-líbris do restaurante é mesmo a vista sobre a praia de Porto Santo; então se for ao do pôr do sol, será um momento a guardar para sempre. O Panorama tem um serviço único: oferece aos seus clientes transporte gratuito de e para o restaurante.

Gaiado, atum e pitanga são algumas das especialidades deste restaurante, muito acolhedor para crianças, com atividades pensadas para os mais pequenos.

  • Quanto? 10 a 30 euros, por pessoa
  • Onde? Sítio da Portela; 9400-115 Porto Santo
  • Horário? Sexta a sábado: 19h – 23

Restaurantes que justificam uma visita à Madeira: Câmara de Lobos


A Ginja

leitao assado

Se estiver a pensar visitar Câmara de Lobos, não deixe de comer no Ginja, um restaurante de estilo rústico com um menu composto por pratos típicos madeirenses, com especialidades como a espetada, o bacalhau e o leitão assado. As sobremesas, em especial os pudins, garante quem provou que são de comer e chorar por mais!

Também a lista de vinhos é bastante extensa e de qualidade acima da média, apostando nos regionais madeirenses. Ah! E após a refeição não pode faltar, claro está, uma ginjinha, oferta da casa.

  • Preço? 10 a 30 euros, por pessoa
  • Onde? Rua Nova Achada, n.º 13; 9325-017 Estreito de Câmara de Lobos
  • Horário? Terça a sábado: 12h – 00h

Sabores do Curral

sobremesa castanha

A ideia para o Sabores do Curral surgiu em 2012 e o grande objetivo era o de proporcionar uma oferta gastronómica, turística e tradicional a todos os visitantes e habitantes da freguesia de Curral das Freiras, através de produtos típicos da freguesia e da região.

A castanha e a ginja são os alimentos destacados, potenciados em belas refeições feitas com base em produtos locais. Sopa de castanha, salada de castanhas, lombo de porco com castanhas, pão de castanha, espetada e sobremesas do mesmo são alguns dos pratos em destaque.

Quanto às bebidas, não podia faltar o típico licor de castanha, sendo que a grande aposta é mesmo a ginja do curral, uma receita familiar!

  • Quanto? 10-20 euros por pessoa
  • Onde? Caminho da Igreja Nº1 – Curral das Freiras, 9030-329 Curral das Freiras
  • Horário? Terça a quinta: 9h – 19h; sexta a sábado: 9h – 23h; domingo: 9h – 19h

Se lhe faltavam razões para conhecer a Madeira, consulte os pacotes TopAtlântico para Porto Santo e leve as suas papilas gustativas a bailar. Ver ofertas aqui

Veja também: