Em Portugal há 20 empresas a entrar em insolvência por dia

Segundo dados do Observatório de Negócios da Ignios, há 20 empresas a entrar em insolvência por dia em Portugal.

Em Portugal há 20 empresas a entrar em insolvência por dia
A criação compensa?

Até ao final de agosto, Portugal registou a insolvência de 5002 empresas – mais 415 (9%) do que em 2015. Os dados são do Observatório de Negócios da Ignios e revelam que, em média, há 20 empresas a entrar a insolvência por dia. Para além disso, a criação de empresas abrandou em 3,5%, durante o mesmo período.

Nos dados recolhidos, pode saber-se que os oito primeiros meses do ano registaram a insolvência de 2474 empresas – mais 819 do que em igual período do ano passado. Já os processos com planos de insolvência aprovados pelos credores foram 78, menos um que em 2015. Para além disso, deram ainda entrada nos tribunais 2450 processos. Uma soma que perfaz o valor de 5002 empresas.

O aumento mais significativo das falências ocorreu nas grandes cidades do país. No Porto foram mais de 170 empresas em dificuldades e em Lisboa cerca de 140 casos. Em contrapartida, distritos como Braga, Faro, Leiria e Viana do Castelo viram o número de insolvência diminuir face ao ano passado. A explicação parece estar nas exportações.

"As exportações, principal motor de crescimento económico nos últimos anos, revelam alguma desaceleração nos últimos números divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística. Este facto irá previsivelmente ter consequências para as empresas dos distritos tradicionalmente mais exportadores que, até à data, têm evidenciado números mais favoráveis do que as zonas mais dependentes da procura interna", referiu António Monteiro, CEO da Ignios.

A criação abrandou 3,5% face a igual período do ano passado mas, desde o início do ano, foram registadas 25.475 novas empresas.


Veja também: