Aeroporto do Porto cria 125 postos de trabalho

O Aeroporto do Porto aumentou a área comercial na zona das partidas em 1500 metros quadrados e com isso há vagas de emprego disponíveis.
 

Aeroporto do Porto cria 125 postos de trabalho
Foi feito um investimento de 1,6 milhões de euros

A Victoria’s Secret e a Portfolio estão entre as lojas de diversas marcas nacionais e internacionais que nasceram com as obras feitas no Aeroporto do Porto. Na Portfolio, a nova marca de lojas criada pela ANA - Aeroportos de Portugal, há produtos de marcas portuguesas, com cultura, moda, sabores, artesanato e design. Também a Duty Free Store foi reformulada e ampliada e os espaços de restauração cresceram.

A Secretária de Estado do Turismo, Ana Godinho, frisou que “O turismo tem esta grande capacidade de criar postos de trabalho diretos, mas também indiretos, [porque] tem um grande efeito arrastador sobre outras atividades económicas, nomeadamente o comércio, que tem crescido bastante nos últimos anos muito associado, também, ao grande crescimento da atividade turística”.
 

O investimento no Aeroporto do Porto

A ANA fez um investimento de 1,6 milhões de euros no aumento da zona de retalho – em 1500 metros – criando mais 125 postos de trabalho. Recorde-se que o Aeroporto do Porto tem sofrido obras para aumentar a sua capacidade. Em 2015, recebeu cerca de 8 milhões de pessoas, sendo que este ano as previsões apontam para uma subida para cerca de 9 milhões de passageiros. E há espaço para crescer o que pode implicar contratar mais pessoas.

Só durante este verão serão 11 as companhias aéreas que vão reforçar operações no Aeroporto do Porto, passando a haver um acréscimo de quase 37 mil lugares por semana.

Na inauguração desta nova área comercial na zona restrita das partidas, o presidente da ANA, Jorge Ponce de Leão, realçou que este espaço está “equiparado ao que de melhor se faz internacionalmente".

Veja também: