Vêm aí novos trilhos na Costa Vicentina

A costa vicentina vai ter mais 300km de trilhos pedestres: caminhantes e amantes da natureza com mais caminho para percorrer.

Vêm aí novos trilhos na Costa Vicentina
Rota Vicentina aposta no turismo cultural

Ao longo dos próximos 2 anos surgirão novos trilhos na Costa Vicentina. A rede de caminhos pedestres ao longo da costa alentejana ficará com um total de 750km, enquanto os percursos para bicicleta chegarão aos 1200km.

costavicentina

Trilhos pedestres e para BTT em fase de expansão na costa alentejana

Grande parte da expansão dos percursos pedestres deve-se à criação de pequenos trilhos circulares que poderão ser inaugurados a partir de março ou abril do próximo ano. A Associação para a Promoção do Turismo de Natureza da Costa Alentejana e Vicentina fez saber que os percursos circulares que já existem em Odemira estão a ter resultados positivos e por isso a ideia é alargá-los a outros concelhos.

caminhantes

Além disso, a Associação pretende, também com estes percursos mais curtos, conquistar novos públicos: pessoas que gostem de caminhar e passear pela natureza, sem que sejam exatamente caminhantes.

A Rota Vicentina também contempla o alargamento dos percursos para bicicletas todo o terreno para um total de 1200km, que poderá abrir já em outubro de 2018. O projeto abrange ainda o estudo de formas efetivas para a utilização dos trilhos por turistas com necessidades especiais, para que a acessibilidade seja inclusiva.

A nível cultural, o investimento passa por valorizar aspetos identitários do Sudoeste do país, como são exemplo o medronho, a cortiça ou a pesca – produtos autóctones que atraem os turistas e levam a um melhor conhecimento da região.

Veja também: