Publicidade:

Como chegar ao final do mês com dinheiro: 7 dicas imperdíveis

Saiba como chegar ao final do mês com dinheiro de forma prática e organizada apenas com ligeiras alterações de comportamento e sem grande esforço.

Como chegar ao final do mês com dinheiro: 7 dicas imperdíveis
Faça um planeamento adequado

O dia de receber o salário é sempre bom, mas como chegar ao final do mês com dinheiro? Quando o dinheiro entra já se sabe: é hora de pagar as contas, fazer as compras, dar-se ao luxo de comer fora e comprar alguma coisa da própria lista de desejos. No entanto, se está a sobreviver de vencimento em vencimento, sem conseguir chegar ao final do mês com alguma folga financeira, talvez seja hora de reorganizar as despesas.

Como chegar ao final do mês com dinheiro?

As famílias portuguesas têm-se transformado em autênticas mágicas, conseguindo esticar o seu ordenado até ao final do mês e poupar dinheiro. Não sendo tarefa fácil, é algo a que cada vez estamos mais habituados. Para tornar esta tarefa em algo rotineiro e menos difícil, deixamos 7 dicas para sua reflexão.

1. Organize-se semanalmente

planilha

A maioria dos vencimentos são pagos mensalmente e, nestes casos, uma dica para saber como chegar ao final do mês com dinheiro é dividir o orçamento por semanas. Calcule o montante que sobra após pagar as contas fixas, como despesas da casa e do carro, por exemplo, e divida o valor pelas semanas que faltam até o próximo vencimento.

Pode guardar os valores em envelopes separados e dispor apenas dele durante sete dias. Esta opção funciona muito bem para controlar o uso do dinheiro em atividades de lazer como cinemas e jantares e evita que o final do mês seja sem dinheiro.

2. Faça um planeamento

money

Um planeamento financeiro sólido ajuda a perceber que tipos de gastos são desnecessários e quais podem ser otimizados. Colocar no papel, ou numa folha de cálculo, para onde vai o dinheiro de forma detalhada pode prevenir surpresas e ainda ajudar a criar uma poupança.

3. Corte nos gastos supérfluos

Uma segunda ideia passa por cortar ao máximo na compra de serviços fora de casa. Por exemplo:

  • Cafés;
  • Restaurantes;
  • Cinema;
  • Saídas à noite;
  • Outros hobbies dispendiosos.

Não defendemos que deva cortar em todos os pequenos prazeres mas antes que se questione se não poderá usufruir de um prazer semelhante mas com um peso financeiro menos oneroso. Por que não levar o seu farnel para a praia em vez de ir à esplanada (que tem o preço inflacionado)? Para todas estas situações poderá facilmente encontrar um substituto mais económico.

4. Tenha a certeza de que ganha o suficiente

money

Muitas vezes o problema não é fazer a gestão dos gastos, mas sim receber pouco. Para esses casos, saber como chegar ao final do mês com dinheiro é essencial, pois existem duas alternativas: ou a realidade das contas e dos gastos precisa de se adequar ao salário – sendo o planeamento financeiro o seu melhor amigo -, ou então talvez seja necessário considerar uma mudança de emprego, um curso de especialização, um pedido de aumento, ou criar estratégias que aumentem os vencimentos mensais.

5. Retire uma parte para poupança

A primeira forma de acautelar o seu sucesso financeiro ao longo do mês passa por retirar uma pequena porção de rendimento logo que o seu salário é creditado na sua conta. O montante a poupar não é estanque, mas sugerimos que seja ambicioso e que procure poupar pelo menos 5% do seu rendimento mensal. De notar que este dinheiro que coloca logo de parte irá leva-lo a pensar que tem menos dinheiro disponível do que tem realmente. Verifique as vantagens de abrir uma conta poupança.

6. Planeie as suas deslocações

A terceira ideia que deixamos é a necessidade de planear as suas viagens e deslocações. Com o preço da gasolina a níveis proibitivos, torna-se essencial planear com rigor as suas deslocações de modo a reduzir o consumo de combustível. Pode parecer uma diferença ligeira, mas o simples facto de optar por uma praia perto de casa ao invés de uma a 20 quilómetros de distância resulta numa poupança que pode ser de 3€-5€ por dia! Veja algumas dicas para poupar em combustível.

7. Tenha um fundo financeiro de emergência

money

Mais uma vez, o planeamento financeiro é o melhor amigo de quem sabe como chegar ao final do mês com dinheiro. Planear permite gerenciar todo e qualquer cêntimo o que, por consequência, permite a criação de um fundo financeiro de emergência. Este fundo nada mais é do que uma poupança feita para situações não previstas, como um problema médico ou um acidente de automóvel.

O fundo de emergência deve ser usado para os imprevistos e nunca para supérfluos e deve ser reposto sempre o mais rapidamente possível, isto evita que as retiradas sejam constantes e acabem por levar ao fim da poupança.

Não somos adeptos da poupança a todo o custo, mas acreditamos que ligeiras mudanças de hábitos podem resultar numa poupança financeira extraordinária ao final do mês. O seu bolso agradece.

Veja também: