Como preencher o livro de reclamações

As informações a escrever e os dados que deve referir, neste manual de instruções de como deve preencher o livro de reclamações. 

Como preencher o livro de reclamações
Se não ficou satisfeito… reclame!

Há castigos para quem trata mal os clientes! E uma das formas de impedirmos que algumas situações desagradáveis se voltem a repetir é através do livro de reclamações. Mas sabe como preencher o livro de reclamações? Que informações dar, o que escrever… Acreditamos que muitas queixas não passam para o papel porque os clientes e consumidores não sabem o que escrever. Por isso, decidimos dar-lhe uma ajuda!
 

Dicas para preencher o livro de reclamações corretamente


Há algumas indicações que deve ter sempre em conta antes de escrever:
  • Use sempre uma esferográfica para que a queixa não seja apagada pela pessoa que lhe está a prestar um serviço ou a vender um bem;
  • Escreva de forma legível para que a entidade reguladora que vai ler a queixa consiga perceber bem os motivos que o levaram a preencher o livro de reclamações.
 

Que informações deve introduzir no livro de reclamações?

  • Em primeiro lugar, deve indicar o nome e a morada do estabelecimento ou do serviço em causa;
  • Identifique-se de forma correta. Indique o seu nome, a sua morada e o número do seu cartão de cidadão;
  • Refira também a data e a hora da queixa;
  • Indique os motivos que o levaram a escrever a reclamação e a preencher o livro de reclamações. Faça-o de forma concisa e objetiva. Se precisar, escreva um rascunho antes, à parte. Atenção, faça-o calmamente e com clareza e procure impedir que o “calor do momento” interfira na sua argumentação.

Procure guardar toda a documentação que possa comprovar a sua reclamação como faturas, recibos, fotografias, entre outras. Não se esqueça ainda de obter a cópia da queixa que efetuou e, se possível, procure conseguir um testemunho de alguém que possa comprovar a verdade dos factos.

 

Lembre-se sempre que…

  • O proprietário do estabelecimento não pode negar o livro de reclamações sempre que este seja solicitado;
  • Se lhe for negado o livro de reclamações pode sempre chamar a polícia. E, no final, pode preencher duas queixas à entidade responsável;
  • O proprietário do estabelecimento não pode exigir a apresentação de um documento de identificação.

Espaços Coworking: Encontre o ambiente de trabalho perfeito para a sua empresa!


Veja também: