4 formas de conservar comida sem frigorífico

Seja num acampamento, seja no dia-a-dia, ser desenrascado e ter opções dá sempre jeito.

4 formas de conservar comida sem frigorífico
Saiba como preservar os seus alimentos sem recurso ao frio

Há muito que se diz que os produtos naturais são os melhores e que quanto mais frescos estão quando são consumidos melhor fazem à saúde. Por isso mesmo, aprender a conservar comida sem frigorífico é uma boa ideia.


Fiquei sem frigorífico… e agora? 4 soluções


Enlatar

Enlatar é um método de preservação tradicional onde a ideia é cozinhar parcialmente os alimentos de forma a matar as bactérias e vedá-los até querermos consumi-los. Contudo, existem várias fases no processo. Primeiro é preciso preparar a comida, esterilizar os jarros de vidro – normalmente utilizados neste processo – processar a comida, encher os jarros e guardá-los. Apesar de ser um pouco dispendioso comprar vários jarros de vidro de uma só vez, a verdade é que um só jarro pode ser utilizado várias vezes. 



Desidratar

Este é considerado o método mais fácil neste campeonato de preservar comida sem frigorífico. Para evitar o bolor e as bactérias, desidratar a comida é o melhor método para preservá-la porque remove toda a água dos alimentos – permitindo que estes sejam guardados durante mais tempo. Pode comprar um equipamento especial para o efeito ou usar um forno a baixa temperatura (apesar de este procedimento demorar mais horas). É possível comer certos alimentos, como a fruta, desidratados. Se preferir voltar a hidratá-los basta mergulhá-los em água durante algumas horas.



Fermentar

É parecido com o enlatar com a diferença de não vedar os alimentos mas usar salmoura ácida para permitir a entrada de bactéricas benéficas aos alimentos. Os microrganismos são sensíveis ao pH, à temperatura, às bactérias disponíveis e aos alimentos disponíveis, por isso, por isso aconselhamos que se informe bem sobre as condições de crescimento dos microrganismos usados e que utilize culturas microbianas já preparadas para o efeito, que podem ser compradas em lojas de alimentos biológicos.



Curar

Usar sal para preservar carne é um método mais do que antigo de preservação de alimentos. O sal cria um ambiente inimigo à criação de bactérias e micro-organismos, por isso, esta técnica envolve esfregar os alimentos com uma mistura de sal e açúcar, guardá-los numa panela de barro e reservá-los num ambiente com temperaturas estáveis e frescas. Depois, e antes de cozinhar os alimentos, é necessário mergulhá-los em água para retirar o excesso de sal.

Veja também: