Inês Bastos
Inês Bastos
21 Jul, 2019 - 08:05
mulher a olhar o frigorifico organizado

Dicas e truques para organizar o frigorífico

Inês Bastos

Organizar o frigorífico ajuda a manter os alimentos bem conservados e também a poupar energia. Quer saber como? Continue a ler e siga as nossas dicas.

O artigo continua após o anúncio

Há determinados eletrodomésticos que são fundamentais em todas as cozinhas e o frigorífico é um deles. Por isso, saber como organizar o frigorífico é essencial, para evitar que as bactérias se desenvolvam e para garantir que conserva os alimentos por um período de tempo mais prolongado.

Mas, antes de dar início ao processo de organização do frigorífico convém confirmar a temperatura. Esta deve estar nos 4 graus centígrados, enquanto o congelador deve manter-se perto dos 17 graus negativos.

Já verificou as temperaturas? Então veja as dicas que temos para si e ponha mãos à obra!

Organizar o frigorífico: siga estas 9 dicas

frigorifico aberto organizado

1. Em primeiro lugar é importante não sobrecarregar as prateleiras. Nos frigoríficos é crucial que o ar circule (ao contrário do que acontece nos congeladores), já que a ideia é manter a temperatura constante;

2. Antes de guardar as frutas e os legumes no frigorífico, lave-as para que não transportem consigo bactérias;

3. Guarde os legumes em sacos de plástico e acrescente uma folha de papel de cozinha dentro do saco. Este truque de organização do frigorífico vai ajudar a absorver a humidade e, consequentemente, a prolongar a vida das frutas e dos legumes;

4. Abuse das embalagens, frascos e sacos, e até da película envolvente. Os alimentos que não estão devidamente guardados ou envolvidos secam, ganham e propagam bactérias e transmitem (e absorvem) odores para e dos restantes alimentos;

5. Pode usar dentro do frigorífico algumas técnicas que utiliza para organizar outra áreas da casa, como é o caso dos cestos. A utilização de cestos arejados para organizar e ganhar espaço dentro do frigorífico é uma boa ideia;

O artigo continua após o anúncio

6. O frigorífico deve ser limpo pelo menos uma vez por mês: utilize uma mistura de 2 colheres de bicarbonato de sódio para cada 1/4 de água quente. É importante evitar os detergentes porque os alimentos podem absorver os cheiros;

7. Não se esqueça de limpar e desengordurar as borrachas das portas. Utilize um pano humedecido e seque-as com um pano seco. Se as borrachas não forem bem tratadas poderão comprometer a eficácia do isolamento do frigorífico;

8. Sempre que se ausentar de casa durante vários dias, esvazie e desligue o frigorífico. Deixe as portas abertas para que não se formem maus cheiros. Além disso poupa energia;

9. Evite abrir e fechar a porta do frigorífico: além de aumentar a temperatura do frigorífico, aumenta também a quantidade de energia necessária para manter a temperatura ideal.

Onde guardar o quê?

Organizar o frigorífico não significa apenas saber como o limpar ou como guardar lá os alimentos. Importa também saber o que se deve guardar e onde, pois este eletrodoméstico está desenhado de uma forma específica. Logo, há lugares ideais para determinados tipos de alimentos.

Nas prateleiras superiores

Aqui devem ficar os alimentos que não precisam de ser cozinhados (como os embalados, as bebidas, os restos da refeição de ontem, as ervas aromáticas (dentro de um copo com água e tapadas com um saco de plástico) e até a charcutaria.

É nas prateleiras superiores que as temperaturas são mais constantes.

Nas prateleiras inferiores

Esta é a parte mais fria do frigorífico, por isso guarde aqui as carnes cruas, os ovos, o marisco ou os laticínios. Por outro lado, as frutas, os legumes e as hortaliças devem ficar guardados nas prateleiras (ou gavetas).

O artigo continua após o anúncio

Na porta do frigorífico

A porta fica reservada a alimentos resistentes às variações de temperatura inerentes à abertura e fecho do frigorífico. Pode guardar aqui os sumos, a água e até os molhos, por exemplo.

O que não deve guardar no frigorífico

Há alimentos que devem ficar bem longe do frigorífico. Ou porque as temperaturas baixas aceleram o processo de amadurecimento, ou porque absorvem com muita facilidade os cheiros envolventes ou, simplesmente, porque há espaços melhores para manter o sabor e a textura dos mesmos. É o caso da batata, da cebola, do alho, do café, do mel, do abacate, do pão, do azeite e até do tomate e do manjericão.

Agora que já sabe como organizar o frigorífico e alguns truques para o limpar, já reúne todas as condições para organizar o seu. Pode até parecer uma tarefa aborrecida, mas a sua importância é inquestionável e vai ver que se sentirá melhor depois de o fazer!

Até vai dar gosto abrir o frigorífico!

Veja também