Como fazer um Test Drive

Quer comprar um carro novo e vai fazer o test drive? Fique a saber o que deve avaliar no automóvel e os que cuidados deve ter para fazer a escolha certa.

Como fazer um Test Drive
Cuidados a ter e o que analisar

Já imaginou se o deixassem experimentar tudo antes de comprar? Não era tudo mais fácil? O mundo automóvel resolveu dar uma resposta a esta questão e presenteou-nos com a possbilidade de fazer um test drive.
Há várias formas para o marcar, pode fazê-lo através dos sítios online das marcas, ou ir a um concessionário e agendar a data.
 

O que avaliar

Quando o fizer assegure-se de uma coisa, mesmo antes de se sentar no lugar do condutor. Verifique se o carro tem seguro, pois pode arranjar problemas.
Visto que tem esta oportunidade esteja atento a alguns aspetos, já que, provavelmente, vai ficar com o automóvel por alguns anos:
  • conforto;
  • posicionamento dos instrumentos;
  • resposta do motor;
  • precisão da direção;
  • comportamento em curva;
  • capacidade da bagageira e acesso, tendo em conta a utilização do carro;
  • teste o carro num percurso que faça habitualmente.
 
Este último ponto é muito importante, pois é desta forma que vai saber se o carro se adapta ao seu dia a dia.
 
A posição de condução é algo que afeta de forma crucial o conforto, aqui podem ajudar os ajustes, quer do banco, quer do volante.
Depois de estar bem instalado, os instrumentos podem ter um papel de relevo no que toca à segurança. Duvida? Se o painel de instrumentos tiver mais botões que o cockpit de um avião, pode ter alguma dificuldade em operá-lo em segurança enquanto conduz. Contudo, alguns carros têm comandos no volante para ajudar nesse aspeto.
 
Quando fizer o test drive faça-o com algum tempo, para experimentar tudo:
  • sistema de navegação;
  • bluetooth;
  • sistema de reconhecimento de voz;
  • aquecimento dos bancos;
  • e todos os outros gadgets.
 

Dicas para fazer um test drive

Quando fizer o test drive lembre-se de não comparar o carro novo com o seu usado. Escolha modelos novos que sejam semelhantes e tente descobrir qual o melhor para si.
 
Há também algo essencial e ao qual deve estar atento. Não teste uma versão diferente daquela que vai comprar. Se for comprar um carro a gasolina não teste um a diesel e vice versa. E lembre-se! Se optar pela versão mais modesta não teste o topo de gama. Vai notar a diferença.
 
Saiba também qual o consumo médio que fez no test drive, para descobrir quanto consome o carro com o seu tipo de condução.
Depois de tudo isto faça parte do test drive no lugar dos passageiros, assim consegue testar o carro na sua totalidade, sendo mais fácil também para analisar o conforto da viagem.
 
No fim, vá para casa e durma sobre o assunto, para fazer a escolha de forma racional e não emocional.
 
Veja também: