PLANO DE SAÚDE MEDICARE - 6 mensalidades sem compromisso

Hepatite A: tudo o que precisa de saber

O termo “hepatite” significa inflamação no fígado. A hepatite A é originada por um vírus que se propaga, como a seguir explicamos.

Hepatite A: tudo o que precisa de saber
Saiba como prevenir esta doença e quais os cuidados a ter

A hepatite A (HAV) é mais frequente nos países menos desenvolvidos, devido à precariedade do saneamento básico. Incide principalmente em crianças e adolescentes. Por isso quando viaja para um país menos desenvolvido, normalmente é aconselhado a tomar a vacina contra a hepatite A.

 

Como se propaga a hepatite A?

A transmissão ocorre pela via chamada fecal-oral, na maioria das vezes com fezes de doentes contaminados. Estas fezes podem ser encontradas na água de consumo ou alimentos. Não esquecer que o gelo também pode ser uma fonte de contaminação.
Pode ocorrer também entre pessoas que utilizem piscinas com água mal tratada e que partilhem toalhas e lençóis impercetivelmente contaminados por fezes.

O marisco, por exemplo, pode representar um perigo se a sua proveniência for de um viveiro contaminado por águas de esgoto, pois as ostras, os mexilhões e as ameijoas concentram o vírus existente no seu habitat.



Quais os sintomas da Hepatite A?

Os sintomas iniciais são variáveis, podendo ocorrer:
  • Mal-estar generalizado;
  • Dores de corpo;
  • Dor na parte direita superior do abdómem;
  • Dor de cabeça;
  • Cansaço generalizado;
  • Falta de apetite;
  • Febre.

Depois disto começa a surgir a típica coloração amarelada das mucosas e da pele à qual chamamos icterícia. A urina adquire uma coloração muito escura e as fezes podem ser claras. 

Contudo é importante referir que há pessoas que não apresentam qualquer sintoma da doença e só descobrem que tiveram a doença por exames de sangue casuais.



Qual o tratamento?

  • Não há medicação específica - quando necessário utilizam-se fármacos para tratar os sintomas associados como enjoos, dor e febre.
  • É necessário aumentar a ingestão de água. 
  • É possível durante a recuperação haver algumas recaídas.
  • A evolução geralmente é benigna, com alívio dos sintomas em 2 ou 3 semanas.
  • A resolução total e cura ocorrem em cerca de 2 meses. 



Como se previne?

O vírus da hepatite A é eliminado pelas fezes na fase de incubação e nos primeiros 10 dias de icterícia. Assim, é importante o uso de água tratada ou fervida para fins alimentares, além de seguir as recomendações quanto à proibição de banho em locais com água contaminada e também o uso de desinfetantes em piscinas. 

Os indivíduos expostos a este tipo de hepatite há menos de 15 dias e ainda sem sintomas, podem ser tratados com uma injeção de anticorpos, tentando prevenir ou amenizar a doença.

A vacina contra a hepatite A é recomendável para todas as crianças a partir de um ano de idade e para pessoas que viagem para áreas endémicas. A vacina é obtida a partir do vírus inativo, é considerada praticamente 100% eficaz e não tem quaisquer contraindicações.

Veja também:

Raquel Pacheco Neves Raquel Pacheco Neves

Farmacêutica, Raquel Pacheco Neves é especialista na prevenção e no tratamento das mais variadas patologias, no que à farmacologia diz respeito. Com uma paixão especial pela puericultura, a promoção da saúde tem sido, desde sempre, o seu principal objectivo profissional.
O seu mais recente projeto é o portal Bébéu.