Plano de Saúde Medicare

Gratuito durante 6 meses!

Ao clicar concordo receber comunicações de marketing directo enviadas por e-konomista.pt

Saber mais

6 tipos de lentes de contacto: saiba escolher

Estima-se que cerca de 250 milhões de pessoas no mundo usem lentes de contacto. São várias as opções. Conheça-as connosco!

6 tipos de lentes de contacto: saiba escolher
A opção que dá liberdade ao seu olhar!

Sabia que foi Leonardo Da Vinci que, em 1508 propôs experimentar as primeiras lentes de correção da visão? Desde então que esta área sofreu uma evolução imensa e hoje em dia a escolha para quem sofre de problemas oftalmológicos são mais do que muitos.

As lentes de contacto não são mais do que dispositivos oftalmológicos de correção da visão colocados diretamente no olho do paciente. Além de mais confortáveis do que os óculos (sem restrição de limites à armação, sem obstáculos físicos), elas são muito simples de colocar e adaptam-se às diferentes necessidades de cada um.

No que respeita ao tipo de material das lentes de contacto, elas podem ser muito diferentes


2 tipos de lentes de contacto: escolha as melhores para si


Semi-rígidas

As lentes semi-rígidas vieram substituir as antigas rígidas. Apesar de já conseguirem uma maior permeabilização do oxigénio face às anteriores, este tipo de lentes costuma ser recomendado apenas quando as lentes gelatinosas não conseguem cumprir o objetivo pretendido (ex: determinada graduação).

Um par de lentes semi-rigidas podem custar a partir de 50 euros e têm a durabilidade de cerca de um ano.

 

Hidrófilas (gelatinosas)

São as lentes de contacto mais comuns e também as mais utilizadas. O seu tipo de material permite que a pessoa que utilize estas lentes de contacto nem as sinta no olho! Claro está que têm de ser cumpridas as indicações de utilização de cada um dos tipos de lente.



4 tipos de lentes hidrófilas 


Lentes de contacto diárias

Estas serão as lentes mais confortáveis de utilizar no sentido em que não necessitam de cuidados de manutenção. Utilizam-se uma vez e deitam-se fora. O seu senão está no preço: uma caixa de 10 dá para apenas dez dias e custa cerca de 15€.

 

Lentes de contacto semanais

Tal como o nome indica, estas lentes de contacto têm a durabilidade de uma semana. Todos os dias necessitam da sua correta limpeza e higienização e ao final de uma semana devem ser trocadas. Um pack de seis lentes custam cerca de 20€.

 

Lentes de contacto mensais

As lentes de contacto mensais são as mais utilizadas. Com a durabilidade de 30 dias, estas lentes exigem que se higienize as mesmas todos os dias, devendo ficar no líquido de limpeza, no mínimo, durante quatro horas.

Uma caixa de 6 lentes (dando para 3 meses) tem preços que começam nos 30 euros.


Lentes de contacto de longa duração

Existe ainda um tipo de lentes que dura um ano. Apenas devem ser utilizadas mediante prescrição médica, até porque a graduação deve estar estagnada, pois de outra forma o investimento torna-se pouco compensatório.

Uma caixa destas lentes de contacto tem preços que começam nos 150 euros.


Todas estas lentes devem ser utilizadas durante o dia e retiradas do olho durante a noite. É essencial dar descanso ao olho para evitar inflamações e lesões que impeçam a futura utilização das lentes de contacto.

Em casos mais raros existem as lentes de contacto de utilização contínua (sem retirar a lente durante os períodos de descanso), mas elas só devem ser utilizadas mediante acompanhamento rigoroso do seu médico e por indicação do mesmo.

Veja também: