Poupar no vestuário

Poupar no vestuário não significa vestir-se mal, mas sim saber onde, quando e como comprar roupa sem gastar muito dinheiro.

Poupar no vestuário
Pequenos truques para poupar em roupa

Para muitas pessoas, o vestuário é uma fonte de satisfação, mas também de muitas despesas. Quem está a passar por dificuldades económicas e pretende eliminar o défice orçamental e reduzir nas despesas com determinados luxos terá obrigatoriamente de cortar nos gastos com esta categoria. No entanto, para poupar dinheiro não tem que andar mal vestido.



Dicas para poupar em vestuário

1. Invista em peças chave

Há algumas compras que podem ser encaradas um investimento, como por exemplo o eterno vestido preto no caso das mulheres ou o smoking no caso dos homens. São peças chave que nunca passam de moda e que servem para uma ocasião especial.


2. Espera pelas promoções e época de saldos

Contudo, se não é a altura certa para este tipo de investimentos, opte por comprar apenas aquilo que realmente lhe faz falta. Uma boa estratégia para poupar algum dinheiro nas despesas com o vestuário é esperar pelas promoções e época de saldos para comprar roupa de qualidade. Nestas alturas além de encontrar roupa da estação actual das melhores marcas a baixo preço, poderá antecipar-se e comprar já artigos da estação seguinte por metade do preço.


3. Compre fora de estação

Conseguirá poupar bastante dinheiro em roupa de Outono/Inverno se comprar artigos dessa estação nos saldos de Verão e vice-versa, pois encontrará os restos da colecção do ano anterior a preços irrisórios e as tendências da moda nunca variam muito de um ano para o outro.


FIQUE ATENTO:
Se quer receber mais notícias gratuitas como esta, basta registar-se no E-Konomista. Toda a informação sobre poupança actualizada ao minuto.

4. Procure nos outlets

Outra alternativa para gastar menos dinheiro em roupa é fazer compras nos chamados outlets. Aqui encontrará não só artigos das colecções anteriores a preços reduzidos como também peças das colecções actuais muito mais baratas, pelo facto de terem pequenos defeitos.


5. A feira municipal pode ser uma opção

Elimine os preconceitos e vá à feira municipal. Se tem preferência por marcas e acha que os artigos de feira não têm qualidade engana-se. Tudo bem que há menor variedade e dificilmente encontrará as peças da estação que viu em revistas de moda. Porém, as feiras são um óptimo mercado para comprar os chamados básicos, roupa interior e artigos para o lar, como roupa de cama, toalhas, etc., para quem quer poupar dinheiro.



Veja também: