Publicidade:

8 segredos que deve manter dos seus filhos

Os pais têm obrigação de proteger os filhos, de os ajudar a crescer fortes, saudáveis e seguros. Há segredos que deve evitar contar aos seus filhos.

8 segredos que deve manter dos seus filhos
Os filhos devem ser protegidos das preocupações dos pais

Todos os pais querem que os filhos cresçam felizes, seguros e preparados para viver neste mundo. Mas os pais não são seres perfeitos. Têm medos interiorizados, gostos menos recomendáveis, paciência limitada. Vamos deixar aqui 8 segredos que deve manter dos seus filhos.

Os 8 segredos

Preocupação constante com os filhos

Os filhos são o grande amor dos pais, os seus mais que tudo. Com esse amor inabalável vem o medo pela sua segurança, pela sua saúde, pelo seu futuro. Não é aconselhável que tenham conhecimento da preocupação constante dos pais. Conhecer esses medos pode assustá-los.

A relação dos pais

Todos os casais discutem. As rotinas, o cansaço e o stress acabam por interferir nas relações e, por vezes, surgem discussões. Evitem discutir à frente das crianças e, principalmente, não se ataquem à frente dos mais pequenos. Há o sério risco da perda de autoridade e da abertura de uma janela para o desrespeito dos filhos para com os pais.

filhos

Problemas financeiros

Quando o dinheiro não chega para as contas, o stress eleva-se. Os pais querem o melhor para os filhos, mas o dinheiro não compra tudo. Não devem falar-lhes de problemas financeiros. Se não podem ter umas sapatilhas de marca compense-os com atividades que apreciam e que sejam gratuitas. Falar de problemas financeiros pode criar-lhes insegurança.

O que pensamos dos outros

Ninguém gosta de todas as pessoas. Mas os seus filhos não precisam de saber isso. Criticar outros em frente aos filhos pode originar aqueles comentários desadequados e extremamente embaraçosos. E há outra questão: as crianças têm de ser educados a respeitarem todos os seres humanos.

Perder a paciência

Não há santos e, de vez em quando, os filhos desesperam-nos. São as múltiplas perguntas após um dia de trabalho, são as asneiras próprias de quem está a crescer e a descobrir o mundo, as desarrumações constantes. Os pais perdem a paciência e surge então a voz alta, o grito. Quando os pequenos choram, os pais ficam com o coração apertado. Dói, mas é importante corrigir, ensinar o certo e o errado, prepará-los para a vida.

Os nossos medos

Os adultos não são impermeáveis a medos. Os assaltos, a violência, os acidentes também assustam os pais. Contar aos filhos os medos pode assustá-los, provocar noites desassossegadas. Nesta matéria, também é preciso cautela sobre o que se fala aos pequenos.

A gravidez e a maternidade

Nem sempre os meses de gravidez são confortáveis e o momento de dar ao mundo uma nova criança pode ser extremamente doloroso. Conte aos seus filhos o melhor desses momentos e esqueça os outros. Um filho é uma dádiva e nenhuma mãe quer que o filho tenha sentimentos de culpa pelo nascimento.

O momento de irem dormir

É, muitas vezes, um descanso. No íntimo, muitos pais anseiam por essa hora em que a casa fica silenciosa e podem finalmente relaxar. Se os filhos soubessem dessa pequena alegria dos pais ficariam com o coração apertadinho. Por isso, chiu!

Veja também: