Plano de Saúde Medicare

Gratuito durante 6 meses!

Ao clicar concordo receber comunicações de marketing directo enviadas por e-konomista.pt

Saber mais

7 sintomas do cancro do pulmão

É uma das principais causas de morte causados por cancro na população. Conheça 7 sintomas do cancro do pulmão.

7 sintomas do cancro do pulmão
Conheça os principais!

Carcinoma brônquico é na verdade o termo clínico para o cancro do pulmão. Acontece quando as células que revestem este órgão perdem o mecanismo de se auto renovarem e entram num processo descontrolado, podendo invadir os tecidos dos pulmões.

Causas 

O cancro do pulmão é o mais mortal de todos e uma das principais causas é o tabagismo. Um fumador tem muito maior probabilidade de contrair a doença do que um não fumador.

Isto não significa, no entanto, que um fumador não tenha uma longa vida e que uma pessoa que nunca fumou não contraia este cancro.

O fumo passivo, stress, hábitos alimentares, poluição e historial genético podem ser outras das causas para contrair o cancro do pulmão.

 

Sintomas do Cancro do Pulmão

Os sintomas do cancro do pulmão podem variar de acordo com o tipo e estádio de desenvolvimento da doença. A maior parte da percentagem de mortalidade por cancro do pulmão deve-se ao facto de ser efetuado um diagnóstico tardio.

É, por isso, muito importante, que faça regulares visitas ao seu médico e que, assim que detete um ou mais sintomas dos abaixo enunciados, consulte de imediato um especialista.

Entre os principais sintomas do cancro do pulmão, encontram-se:
  • ​Tosse persistente e com tendência a piorar;
  • Tosse acompanhada de sangramento pela boca;
  • Dor instalada e constante na zona do peito;
  • Frequentes diagnósticos de problemas respiratórios, como bronquites, asma, bronquiolites ou mesmo pneumonia e que tendem a não sarar completamente;
  • Zona do pescço e rosto com algum inchaço;
  • Perda de peso sem motivo que o justifique;
  • Apatia e cansaço extremo.

Além destes sintomas, mais comuns, deve estar atento a possívei rouquidões que aparecem de forma inesperada, gânglios inchados ao longo do corpo, sobretudo na zona do pescoço, dores ósseas e alterações no tom de voz.

É muito possível que tenha um ou mais destes sintomas e que não tenha desenvolvido cancro no pulmão. No entanto, na dúvida, o melhor é mesmo consultar logo que possível o seu médico para que lhe seja feito um correto diagnóstico e, se for caso disso, para que seja imediatamente encaminhado para tratamento.
 

Tratamento

O tratamento do cancro do pulmão também está dependente do estádio de desenvolvimento da doença: quanto mais avançado, mais agressiva será a quimioterapia. No entanto, apenas o seu médico poderá indicar-lhe o tratamento adequado ao seu caso.

Quanto mais cedo se inicia o tratamento, maiores são as chances de recuperação total da doença.

Veja também: