Publicidade:

Facebook limita opção de pesquisa de utilizadores

O Facebook anunciou que já não é possível procurar outros utilizadores através do número de telemóvel, após a funcionalidade ter sido usada para recolher dados.

Facebook limita opção de pesquisa de utilizadores
A rede social está a tentar proteger a privacidade dos utilizadores

O Facebook deixou de permitir a pesquisa de utilizadores por número de telemóvel. Esta medida foi anunciada no dia 4 de abril de 2018 – através de um comunicado oficial publicado pela maior rede social do mundo – como uma das várias medidas para proteger melhor os dados dos seus utilizadores, após o escândalo da recolha indevida de dados pela Cambridge Analytica.

Facebook deixa de permitir pesquisa de utilizadores pelo telemóvel

A funcionalidade da pesquisa de utilizadores através do número de telemóvel era útil para procurar pessoas em diferentes países ou para ajudar a encontrar a pessoa certa quando se encontravam utilizadores com nomes iguais. No entanto, esta funcionalidade estava também a ser usada para outros fins.

“Até hoje, as pessoas podiam colocar o número de telemóvel ou endereço de e-mail na barra de pesquisa do Facebook para ajudar a que fossem encontrados na pesquisa. Isto tem sido especialmente útil para encontrar amigos com nomes originários de línguas mais difíceis de escrever, ou quando surgem pessoas com o mesmo nome. No Bangladesh, por exemplo, esta funcionalidade correspondia até 7% das pesquisas. Contudo, as pessoas abusaram desta funcionalidade para recolher informação pública de perfis ao submeter números de telemóvel ou endereços de e-mail que já tinham através de pesquisa e recuperação de conta. Dada a escalabilidade e sofisticação da atividade a que temos assistido, consideramos que a maioria das pessoas no Facebook pode ter tido a sua informação recolhida desta forma”, lê-se no comunicado.

A empresa liderada por Mark Zuckerberg está também a trabalhar para limitar o acesso a dados por parte de algumas aplicações. A rede social está a rever o processo em que as apps solicitam o acesso a informação, como publicações e fotos dos utilizadores, no sentido de tornar este acesso mais limitado.

Veja também: