AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

Fazer um MBA: Sim ou não?

Se é seu caso saiba quais são as vantagens e desvantagens de ter um MBA ou quais as opções ao seu dispor.

Fazer um MBA: Sim ou não?
São cada vez mais os profissionais a equacionar fazer um MBA.

Alguma vez equacionou fazer um MBA? Ou está nos seus planos?

Não é o único. A formação profissional assume cada vez mais um papel importante no mercado de trabalho e não é por isso de estranhar que muitos profissionais apostem em reforçar os seus conhecimentos ou competências e o MBA é uma das possibilidades mais populares no meio profissional.
 

O que é um MBA?

MBA é a sigla para Master of Business Administration. Trata-se de um curso de formação avançada focado em gestão de empresas, com vista ao desenvolvimento profissional, assumindo-se por isso com uma boa opção para quem pretende progredir na carreira, adquirir competências de gestão ou conhecimentos práticos (nomeadamente, em áreas como marketing, recursos humanos ou finanças, entre outros).

Mas antes de mais é importante não confundir o MBA com o Mestrado. Como dissemos trata-se de uma formação avançada, mas que não confere grau académico. Para quem pretende uma formação mais especializada o aconselhável é mesmo um mestrado (aquele que confere o tal grau de mestre).

Quanto aos candidatos, esses podem ter os mais variados backgrounds de formação, devendo no entanto ter já uma licenciatura ou experiência profissional relevante. Daí que seja procurado essencialmente por profissionais já no ativo e que veem nesta formação um elemento diferenciador e que os pode ajudar a evoluir em termos profissionais.

 

Quem pode (ou deve) candidatar-se?

Sim, vai ter que passar por um processo de candidatura e seleção e existe um perfil (ou vários) mais indicados. Falamos de profissionais que:
  1. Trabalham ou pretendem vir a trabalhar em posições de gestão ou liderança;
  2. Pretendem desenvolver/aprofundar um determinado tipo de competências relevantes para as suas funções diárias;
  3. Ambicionam mudar o rumo das suas carreiras e, nesse sentido, querem adquirir conhecimentos e competências na área em que pretendem trabalhar.
Se estes profissionais podem e devem considerar a possibilidade de fazer um MBA, outros há que talvez devam repensar ou adiar a sua decisão, nomeadamente, profissionais que ainda não definiram a carreira que pretendem seguir, recém-licenciados sem experiência profissional ou quem vê no MBA um “passaporte” para empregos mais “interessantes”. Nestes casos, o melhor é mesmo pensar duas vezes. Principalmente no último caso. Um MBA não lhe garante um emprego melhor só porque consta do seu Curriculum Vitae (CV), afinal o MBA só lhe vale se realmente tiver algo a dar à empresa.

 

O que procurar num MBA?

Antes de se candidatar estude os planos curriculares de cada MBA para escolher aquele que melhor se adequa aos seus objetivos. Uma dica: procure MBA’s que contemplem a internacionalização (que pode incluir visitas ou contactos com outros países para conhecer os mercados internacionais), case studies (que serão trabalhados no decorrer das aulas) ou boas relações corporativas/empresariais estabelecidas pela instituição de ensino (contactos que lhe podem vir a ser muito valiosos).

Mas da sua candidatura à seleção ainda vai um longo caminho. O processo inclui o exame GMAT - General Management Admission Test – ou seja, o teste de admissão (o melhor é informar-se sobre os cursos e aulas de preparação, bem vai precisar) e a candidatura (decorrem por norma entre Abril e Maio, dependendo de cada instituição de ensino).


Veja também: Os melhores MBA do mundo.

 

As vantagens e desvantagens

Sim, à partida um MBA parece sempre boa ideia, mas antes de se candidatar analise bem as suas opções. Claro, a formação nunca é demais, mas visto que este tipo de cursos tem um custo relativamente avultado é bom que considere todos os prós e contras de fazer um MBA.

Vantagens não lhe faltam claro. Senão repare:
  1. É um fator de valorização pessoal e profissional;
  2. Permite-lhe aprofundar e/ou alargar os seus conhecimentos;  
  3. Pode ajudá-lo a progredir profissionalmente (os conhecimentos adquiridos podem ajudá-lo a conseguir aquela promoção que tanto ambiciona por exemplo);
  4. Vai ajudá-lo a aprofundar a sua rede de contactos (lembre-se que o MBA é dirigido e frequentando maioritariamente por profissionais experientes, o que faz destas formações bons espaços para trabalhar o seu networking).
Mas como não podia deixar de ser, também tem algumas desvantagens, nomeadamente:
  1. O facto de ocupar bastante tempo, o que implica que tenha que seja mais difícil conciliar a vida privada e profissional;
  2. São formações muito rigorosas e competitivas, que vão exigir muito de si;
  3. Requerem um investimento financeiro considerável.
 

Vale a pena?

Bem, esta é uma questão é sempre muito subjetiva. Mas regra geral, pode dizer-se que sim, vale a pena. Desde que tenha objetivos profissionais bem definidos e que escolha um MBA que se coadune com eles, claro. Pense que esta não deve ser uma decisão tomada de ânimo leve. Um MBA tem a duração de pelo menos um ano e vai custar-lhe muitos euros, pelo que deve encarar esta decisão como um investimento a longo prazo, do qual deve retirar o maior partido.

 

Onde encontrar?

Boas opções não lhe faltam. Católica – Porto School of Business & Economics, ISCTE – IUL (Instituto Universitário de Lisboa) , Instituto Superior de Economia e Gestão (ISEG) ou Porto Business School são apenas algumas das instituições ao seu dispor.

Mas se quiser alargar as suas opções consulte a página www.mastersportal.eu, aqui vai poder encontrar informação (como duração, preços, etc.) sobre MBA’s em diversas universidades do mundo.
Valorize-se profissionalmente... Saiba como com o nosso Simulador de Emprego e Formação >>
Veja também: