8 festas e tradições dos Açores que não pode deixar de conhecer

A maioria das festas e tradições dos Açores têm origem religiosa, ainda que atualmente assumam um forte pendor cultural. Eis algumas das mais importantes.

8 festas e tradições dos Açores que não pode deixar de conhecer
Descubra as principais tradições festivas dos Açores

Visitar um destino numa altura em que aí se celebra alguma data especial, permite associarmos à nossa viagem experiências ainda mais marcantes. Neste artigo, damos-lhe a conhecer 8 festas e tradições dos Açores que tornam este arquipélago ainda mais magnético. Fique a conhecê-las à distância e depois, quem sabe, um dia não participa in loco nestas iniciativas?

8 festas e tradições dos Açores a não perder

Festas do Espírito Santo [todo o Arquipélago]

Festas Espírito Santo, São Miguel

Fonte da imagem: Agência Ecclesia

As festividades em honra do Divino Espírito Santo celebram-se um pouco por todo o arquipélago, acontecendo, por norma, sete semanas após a Páscoa. Ligadas a este culto estão as pequenas, coloridas e originais capelinhas espalhadas pela Ilha Terceira – os Impérios.

Império, Ilha Terceira

Fonte da imagem: geopt.org

Nas restantes ilhas, existem casas e capelas do Espírito Santo, sendo muitas vezes montadas de propósito umas edificações em madeira chamadas “triatos” ou “teatros”. Procissões, missas, cortejos, concertos de filarmónicas e as tradicionais distribuições de sopa, fazem parte do extenso programa das celebrações.

E se nas festividades populares que se realizam no nosso país existe muitas vezes a figura do “mordomo” e da “mordoma” da festa, nos Açores estes são substituídos pelo “imperador e “imperatriz”, que são “coroados” numa cerimónia tradicional.

Carnaval [São Miguel]

Batalha das Limas, Carnaval de Ponta Delgada

Fonte da imagem: ContraTempo.com

Se não sabe quando visitar os Açores, saiba que a época do Carnaval é bastante animada em São Miguel, nomeadamente em Ponta Delgada. Por esta altura, tanto há eventos mais restritos e elegantes, como os Bailes de Gala do Coliseu Micaelense, que se realizam desde 1921, como muitas manifestações de rua.

Uma das tradições mais curiosas do Carnaval é a Batalha das Limas. E se dantes era mesmo este fruto que era atirado, numa tradição que data do século XVI, agora na divertida luta travada nas ruas de Ponta Delgada reinam os balões e sacos de plástico cheios de água, que são arremessados entre camiões carregados de foliões protegidos por capacetes.

Fonte do vídeo: YouTube/ContraTempo.com

Passe férias nos Açores com a TopAtlântico! Saiba mais sobre os programas e preços.

Festas do Senhor Santo Cristo dos Milagres [São Miguel]

Senhor Santo Cristo dos Milagres

Fonte da imagem: santo-cristo.com

Esta é a festividade mais popular de Ponta Delgada e da Ilha de São Miguel, ainda que se realize também noutras ilhas. Tem como símbolo máximo a famosa imagem do Senhor Santo Cristo dos Milagres do Convento de Nossa Senhora da Esperança, que sai à rua com toda a pompa durante a majestosa procissão anual.

É a maior e mais antiga devoção do nosso país, atraindo todos os anos à capital do arquipélago milhares de visitantes, incluindo muitos emigrantes. Acontece por volta do 5º domingo após a Páscoa, e para além dos momentos religiosos, oferece atividades como arraiais, bazar e leilão de oferendas, concertos e fogo de artifício, entre outras atrações.

Semana do Mar [Faial]

Regata na Semana do Mar, Faial

Fonte da imagem: Ilhas do Mar

Na Horta, capital da Ilha do Faial, acontece todos os anos um dos maiores eventos náuticos do país: a Semana do Mar. Realiza-se há mais de 40 anos em agosto e no seu programa destacam-se não apenas as atividades ligadas ao mar, como eventos paralelos, tais como a Feira de Artesanato e o concorrido Festival de Gastronomia.

A envolvente paisagística da iniciativa, com a maioria das atividades a desenrolarem-se na bonita Baía da Horta, confere-lhe uma aura única. Entre muitas outras atrações, conte com regatas de importância internacional, demonstrações de desportos aquáticos, concertos de música com artistas de renome, folclore e uma atmosfera de alegria contagiante.

Festas de São Roque [Pico]

Cais Agosto, Pico

Fonte da imagem: RTP

É no final de julho e em agosto que a Ilha do Pico, no Grupo Ocidental do arquipélago açoriano, se enfeita e se enche de gente de fora. As festividades de maior dimensão são apelidadas de Cais Agosto, e realizam-se no concelho de São Roque, com destaque para a componente musical, com concertos de artistas e grupos de música de projeção nacional e internacional.

E se estes atraem sobretudo a juventude, incluindo imensos festivaleiros das ilhas vizinhas, há no programa eventos para outras preferências e idades, como o tradicional Festival de Bandas Filarmónicas, o festival gastronómico, uma feira de artesanato e atividades infantis.

Exposição de Camélias [São Miguel]

Exposição de Camélias, Furnas

Fonte da imagem: Um Olhar Povoacence

Se é um apaixonado por flores, não pode perder o Festival das Camélias que se realiza todos os anos na freguesia das Furnas, em São Miguel. É aqui, no magnífico Hotel Terra Nostra, ou mais concretamente no seu Casino, que são expostas centenas de exemplares desta flor delicada, apelidada de “rainha das flores de inverno”.

A iniciativa costuma acontecer no final de fevereiro e, a par da exposição de flores, integra outras atrações, como exposições de fotografia ou pintura, concertos, venda de artesanato, etc. Destaque ainda para a decoração das salas do evento, onde os arranjos florais a cargo do Jardim Botânico Terra Nostra surpreendem os visitantes.

Festas da Praia da Vitória [Terceira]

A Praia da Vitória é um concelho da Terceira, palco de uma das maiores festividades da ilha. Estas realizam-se anualmente no início de agosto e são compostas de várias atividades, eventos e tradições, onde se inclui a ‘tourada à corda’ no areal.

Há também lugar para marchas e cortejo etnográfico, espetáculos de folclore, “bodo” tradicional (distribuição gratuita de comida), concertos de música, exposições e eventos desportivos, sem esquecer o grande fogo de artifício com a sedutora Baía da Praia do pano de fundo.

Romeiros [São Miguel]

Romeiros, São Miguel

Fonte da imagem: romeiroseromarias.com/Laudalino Pacheco

E para fechar esta amostra de festas e tradições dos Açores que não pode deixar de conhecer, apresentamos-lhe a tradição dos Romeiros de São Miguel. Trata-se de uma manifestação com séculos de existência e que consiste na peregrinação durante a Quaresma de grupos de pessoas (designados de “ranchos”), que percorrem durante uma semana todas as capelas da Ilha que tenham uma imagem da Virgem Maria.

Estas “romarias” obedecem a várias regras e rituais tradicionais, como o uso do xaile, do lenço, do cajado e do rosário. Cada “rancho” representa uma freguesia, uma paróquia ou um lugar, e os seus membros são acolhidos pelas famílias dos locais que vão percorrendo.

Em 2017 foram 54 os grupos de Romeiros, que percorrem a ilha de acordo com uma escala, tendo vindo especialmente dois grupos do Canadá para se juntarem à tradição.

Gostava de ir aos Açores? Vá com a TopAtlântico. Veja programas e preços aqui.

Veja também: