Investir online: cuidados a ter

Investir online é bastante conveniente e traz economias de custo consideráveis. No entanto, tem um conjunto de riscos associados que importa acautelar

Investir online: cuidados a ter
Conheça algumas cautelas necessárias para mitigar o risco do investimento online

As tecnologias de informação têm feito um ótimo trabalho no campo dos investimentos. Os bancos estão cada vez mais eficientes e os custos para os clientes finais têm-se reduzido expressivamente.

As plataformas de investimento online revelam-se como bastante flexíveis e convenientes, tendo dado o acesso ao investimento a cada vez mais pessoas, o que levanta alguns riscos que importa considerar. Se não optou pelo investimento através de fundos de investimento ou então em Planos Poupança Reforma, é um adepto do investimento direto e possivelmente do Trading. Tenha alguns cuidados!


TOME NOTA:
O investimento online permite aproveitar as potencialidades da flexibilidade, comodidade e custos reduzidos das plataformas de investimento à distância.

Invista apenas no que conhece:

A tentação para olhar para os gráficos e para seguir recomendações de amigos e de fóruns de investimento é enorme. Adicionalmente, a publicidade a produtos alternativos que prometem a fortuna a toda a gente, empolam os riscos. Uma regra de ouro será investir apenas nos produtos que conhece e em que é possível perceber com clareza as variáveis que afetam o seu valor.


Escolha bem as fontes de informação:

O desenvolvimento da internet tem permitido a cada vez mais pessoas criar fóruns e blogs, com todas as vantagens e desvantagens que daí advém. Infelizmente, nem todos os fóruns e fontes são fidedignas, pelo que deverá ter cautela ao seguir as suas recomendações. Se os investimentos são assim tão bons, porque é que o autor dos textos não os guarda para si?


Atenção aos custos:

Sendo as plataformas de investimento online mais baratas do que os meios alternativos, é necessário que estude com rigor os preçários aplicáveis ao seu caso. Na prática, existe uma distinção importante entre o tipo de investidor (pequeno ou grande investidor), entre o volume das ordens (descontos para quem dá mais do que uma determinada quantidade de ordens por mês) ou outro tipo de fatores.


Não faça muitas transações:

A compra e venda de ações ou outros produtos de investimento têm associado comissionamento e tributação. As comissões existem sempre. A tributação quando se registam lucros. Evite muitas transações para minimizar os seus custos.


Controlo na introdução de ordens:

A colocação de ordens de compra na internet tem um risco grande associado. Facilmente existem erros na introdução de ordens. Imagine que está a dar uma ordem de compra de 1.000€ e, por lapso, acrescenta um zero? Poderá dar uma ordem de compra de 10.000€...

O investimento online pode trazer enormes vantagens mas exige um conjunto de cautelas para mitigar riscos. Tendo cuidado, tem todas as condições para ser bem sucedido.


Leia também: