Pedras nos rins: sintomas, causas e tratamento

Conheça os principais sintomas de pedra nos rins e aprenda a reconhecer esta doença tão dolorosa.

Pedras nos rins: sintomas, causas e tratamento
Um problema também conhecido como cálculo renal

Pedras nos rins são um problema de saúde muito comum e uma crise de cólica renal é das coisas mais dolorosas que se pode experienciar ao longo da vida. Relatos afirmam que a dor é pior do que um parto, uma fratura ou até mesmo um ferimento por arma de fogo. Importa, por isso, identificar os sintomas de pedra nos rins o quanto antes.

Afinal, o que são as pedras nos rins? São nada mais, nada menos do que a cristalização de sais minerais (70% deles são sais de cálcio) que estão presentes na nossa urina.

Mas como isto acontece? É fácil perceber: vamos imaginar um copo cheio de água. Se começarmos a colocar sal nesse copo, o mesmo vai diluir-se, tornando-se mais turva. No entanto, se o sal continuar a ser adicionado, a água vai ficar cada vez mais saturada até ao ponto em que o sal se aloja no fundo do copo. Isto significa que aquela quantidade de água não é suficiente para diluir tanto sal. É exatamente isto que acontece no nosso organismo.

Pedras nos rins: sintomas

Como conseguimos identificar este problema? Os sintomas de pedra nos rins surgem geralmente de forma repentina quando a pedra é tão grande que fica presa no rim ou quando desce pelo canal apertado do ureter e causa uma infeção.

Por vezes, quando são pequenas, nem se identificam sintomas de pedra nos rins, percebendo que elas existem apenas fazendo uma análise.

Deste modo, os principais sintomas de pedra nos rins são:

  • Surtos de dor intensa na zona inferior das costas, que pode atingir a virilha e testículos;
  • Dor ao urinar;
  • Cor da urina rosada ou vermelha;
  • Muita vontade de urinar várias vezes;
  • Náuseas;
  • Vómitos;
  • Dor insistente;
  • Febre superior a 38ºC;
  • Diarreia.

No caso de identificar algum destes sintomas, deve dirigir-se ao seu médico para despistar sintomas de pedra nos rins.

Pedras nos rins: causas

Porque ficamos com pedra nos rins? Essencialmente por dois motivos: pela falta de água ou pelo excesso de sal, sendo, no entanto, a grande maioria por falta de água, daí a importância de ingerir muita água diariamente.

Neste sentido, existem alguns fatores de risco que podem aumentar a probabilidade de ter pedra nos rins:

  • Alimentação à base de sal;
  • Beber poucos líquidos;
  • Obesidade;
  • Idade superior a 40 anos;
  • Hipertensão;
  • Diabetes;
  • Ser do sexo masculino;
  • Gota;
  • Ganho muito rápido de peso;
  • Toma de alguma medicação.

Pedras nos rins: tratamento

O tratamento para a pedra nos rins inicia-se geralmente com a administração intravenosa de analgésicos, que é depois mantido com medicamentos via oral quando o paciente tem alta para ir para casa. Repouso e muita hidratação são as principais recomendações, para facilitar a saída da pedra.

Em casos mais graves de pedras de grande dimensão, pode ser necessário recorrer a cirurgia.

Veja também: