Publicidade:

Síndrome do túnel do carpo: causas, sintomas e tratamento

A síndrome do túnel do carpo caracteriza-se pela compressão do nervo mediano no punho. Conheça as principais causas e saiba como tratar esta lesão dolorosa.

Síndrome do túnel do carpo: causas, sintomas e tratamento
Mulheres entre os 35 e os 60 anos são um dos principais grupo de risco

Polegar, indicador, médio e anelar são os dedos mais afetados pela síndrome do túnel do carpo. Isto deve-se ao facto do nervo mediano, que passa através do túnel do carpo, ser responsável por controlar parte da mobilidade desses mesmos dedos. Embora a dor se localize maioritariamente nos dedos e na mão, pode também fazer-se sentir no braço e antebraço.

Síndrome do túnel do carpo: tudo o que deve saber


Principais causas da síndrome do túnel do carpo

Apesar de não haver certezas relativamente à principal causa da síndrome do túnel do carpo, existem vários motivos associados: trabalhos manuais; movimentos repetitivos; menopausa; gravidez e hipotiroidismo.

Contudo, em grande parte destas situações, os sintomas são reversíveis. No caso do hipotiroidismo, uma vez iniciada a medicação adequada para regular a tiroide, esses sintomas tendem a desaparecer.

Relativamente às grávidas, acredita-se que o facto das mesmas sofrerem com esta síndrome se encontra relacionado com a retenção de líquidos. Isto porque a retenção causa um edema do túnel do carpo e pode, por sua vez, irritar o nervo mediano. No entanto, os sintomas tendem a desaparecer no final da gestação.

Os doentes que sofrem de diabetes, artrite e obesidade são igualmente propensos a desenvolver esta síndrome.

sintomas do síndrome do túnel do carpo

Principais sintomas da síndrome do túnel do carpo

Os sintomas da síndrome do túnel do carpo incidem essencialmente no polegar, indicador, dedo médio e anelar, verificando-se um agravamento dos mesmos durante a noite.

Contudo, parte destes sintomas também se podem fazer sentir durante o dia, podendo ser bastante incomodativos e chegando a comprometer a realização de algumas tarefas como, por exemplo, a condução.

  • Dor na mão e nos dedos, que pode passar para o braço e também para o ombro;
  • Formigueiro;
  • Dormência;
  • Falta de sensibilidade;
  • Perda de força para realizar os movimentos e segurar objetos.

Tratamento para a síndrome do túnel do carpo

sindrome tunel do carpo

Dependendo da gravidade da lesão da síndrome do túnel do carpo, há várias opções de tratamento. De todas as formas, quando surgem os primeiros sintomas, deve consultar um ortopedista de modo a obter um diagnóstico e respetivo tratamento personalizado.

Neste sentido, para casos menos graves, mas nos quais esteja presente dor, pode recorrer a anti-inflamatórios, analgésicos ou relaxantes musculares. Por outro lado, as talas são uma solução viável, sobretudo quando usadas durante a noite, uma vez que vão ajudar a imobilizar à área afetada. Outra possibilidade são as injeções à base de corticosteróides, que também ajudam a atenuar a dor.

Caso a situação assim o exija, tem ainda a opção de recorrer à cirurgia. De modo geral geral, este tipo de intervenção realiza-se em regime de ambulatório, sendo apenas necessário recorrer à anestesia local.

Veja também:

Ana Araújo Ana Araújo

Natural do Porto, Ana Araújo é apaixonada por viagens e pela cultura espanhola, razão pela qual já viveu em três cidades espanholas. Licenciada em Ciências da Comunicação e Mestre em Marketing, possui experiência profissional de mais de oito anos, tendo estado sempre ligada à área dos conteúdos.