Mais de 81 milhões de euros em certificados de aforro

2012 foi um ano trágico para os certificados de aforro, tendo este instrumento de poupança perdido cerca de 1700 milhões de euros. No entanto, 2013 começa a conhecer uma recuperação deste produto.

Mais de 81 milhões de euros em certificados de aforro
Certificados de aforro a recuperar lentamente
  • Este ano, foram investidos 81 milhões de euros em certificados de aforro.

Só em Junho, os particulares portugueses investiram mais 28 milhões de euros em Certificados de Aforro, mas ainda está a longe a recuperação destes instrumentos que perderam, em 2012, cerca de 1700 milhões de euros.


Desde o início do ano, foram investidos 81 milhões de euros em Certificados de Aforro e segundo os dados comunicados pela Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública, os particulares aplicaram, no mês de junho de 2013, 9750 milhões de euros. O que significa um acréscimo de 28 milhões de euros relativamente ao mês de maio


Os certificados de aforro registaram, desde o início do ano, um aumento nas subscrições de 81 milhões. Apesar da subida, a recuperação é ainda pouco significativa relativamente ao que aconteceu o ano passado. 


A quebra nas subscrições de Certificados de Aforro aconteceu depois da rendibilidade das taxas de juro das Obrigações do Tesouro a 10 anos deixarem de ser rentáveis para o Estado e do aumento das taxas de juro. 


No ano transacto, os Certificados de Aforro tiveram uma perda de 1700 milhões de euros, um valor que o Estado não previu. Este ano, a previsão do Estado volta a ser contrariada já que os Certificados do Tesouro continuam em queda, tendo os particulares retirado cerca de 4 milhões de euros deste instrumento. 


Taxa de 2,3% para Agosto 

Com a taxa diretora em mínimos históricos e a Euribor estabilizada, o rendimento dos Certificados de Aforro é afectado.


Em agosto, a taxa bruta dos Certificados de Aforro da série C manteve-se inalterada face ao mês anterior. Assim, o rendimento líquido dos certificados de aforro mantém-se nos 2,3%, estando assim os certificados de aforro acima da inflação prevista de 0,4% para 2013 e superam os juros oferecidos pelos depósitos de quase todos os bancos. 


O que são Certificados de Aforro?

Os Certificados de Aforro são um instrumento de dívida pública e o reembolso do capital investido, assim como o pagamento dos juros, são assumidos pelo Estado. Saiba mais sobre Certificados de Aforro.


Conheça alguns produtos e investimentos do mercado. »

Veja também: