Publicidade:

9 dicas para quem acabou de tirar a carta de condução

Aquilo que aprendeu nas aulas de condução não é o mesmo que vai enfrentar na realidade. Conheça algumas dicas para quem tem a carta há pouco tempo.

9 dicas para quem acabou de tirar a carta de condução
Evite erros de condução que irão prejudicá-lo toda a vida

No momento em que tirou a carta de condução, ficou habilitado a conduzir. Porém, a realidade de guiar livremente pelas estradas é diferente daquela com alguém ao seu lado, instruindo-lhe o que fazer. Por isso, conheça algumas dicas para quem tirou a carta de condução há pouco tempo.

Tirou a carta recentemente? Siga estes conselhos

1. Não seja “acelera”

Sentir o motor dá uma adrenalina fantástica. Quando, finalmente, podemos puxar pelo automóvel, essa sensação torna-se viciante. Por isso, controle-se, não se deixa levar pelo ímpeto e, se não quer ter acidentes, modere a velocidade.

2. Cuidado com o ponto morto

O ponto morto pode ter pequenas vantagens, como diminuir o consumo de um carro. No entanto, a segurança é menor e exige um grande controlo e conhecimento do veículo para não prejudicar o motor. Por isso, a não ser que esteja parado no trânsito, evite usá-lo.

3. Faça as mudanças de direção em segunda

Se tirou a carta há pouco tempo, esta regra é quase imperial. Provavelmente, irá experimentar um carro novo, que não conhece bem, ainda não está habituado a conduzir livremente, pelo que é importante arriscar o mínimo possível e fazer as mudanças de direção como mandam nas aulas de condução – sempre com a segunda mudança engatada.

mudancas

4. Coloque sempre os espelhos e o banco direitos

Ao fim de alguns anos acaba por conseguir conduzir qualquer carro sem alterar muitos os espelhos e o banco. Cada uma tem a sua posição favorita, mas as pessoas adaptam-se com a experiência. Para quem está a começar não é bem assim, ainda está muito habituado àquela posição e aos apoios visuais. Por isso, jogue pelo seguro, ponha-os sempre à sua maneira.

5. Faça as reduções de forma “certinha”

Certamente já viu algum amigo fazer isto. Está a uma velocidade mais elevada, provavelmente com a quarta mudança engatada, quando, de repente, aparece uma curva mais apertada e reduz para segunda. Isso estraga o motor é um facto. Não o faça. Reduza sempre uma velocidade de cada vez.

6. Experimente mais do que um carro de forma segura

Conduzir é muito útil e pode ser necessário não só para uso pessoal, como também em situações de trabalho e/ou emergência. Provavelmente, ao longo da sua vida, vai ter de pegar em carros que não são seus.

Portanto, para quem tirou a carta há pouco tempo, mas já se sente à vontade a manejar o seu veículo, aconselhamos que experimente outro. Até porque, se já tem um automóvel, não pretende usá-lo toda a sua vida, pois não?

7. Compre o seu próprio carro

Apesar de já se ter dito aqui que conduzir outros veículos é proveitoso, a verdade é que ter um carro sempre disponível para si e cuja manutenção está ao seu cuidado é a melhor forma de evitar acidentes. Por isso, não partilhe o automóvel com familiares e namorado/a. Use ou compre o seu.

conducao

8. Pratique uma condução defensiva

Uma condução defensiva é a mais segura. Não sabemos quem são os outros condutores e o que lhes vai na cabeça.

9. Evite ganhar vícios

A partir do momento em que está habilitado a conduzir vai ganhar vícios, como utilizar o guiador só com um mão, a história do ponto morto, entre outros. A melhor maneira de evitar isso é ter cuidado desde início. Portanto, se tem a carta há pouco tempo, tente conduzir da forma mais simples e segura possível.

Veja também:

Também lhe pode interessar: