Publicidade:

Como ter um casamento low cost original, lindo e inesquecível

Organizar um casamento não significa que tem de entrar em dívida. Um casamento low cost pode ser original e único. Saiba mais.

Como ter um casamento low cost original, lindo e inesquecível
É possível e nós sabemos como.

Se vai casar e já anda a dar voltas à cabeça para saber como vai conseguir suportar todos os custos associados para ter uma cerimónia inesquecível, não tema. É possível organizar um casamento low cost, sem abdicar da criatividade, da beleza e da qualidade. São cada vez mais os adeptos de uma festa mais barata e low key, pelo ambiente intimista que providencia.

É preciso ter um pouco de paciência e vontade para o planear. A internet, sobretudo os muitos blogs dedicados a noivas e o Pinterest, são os seus novos melhores amigos. Arranje um caderno ou capa para ter tudo à disposição quando for necessário, e comece a planear!

Como ter um casamento low cost


Convites

convite casamento

Poupar nos convites para manter o seu casamento low cost, pode optar por enviá-los por via electrónica. Podem ser muito bem feitos, únicos também, mas apenas existirem digitalmente. Desta forma também evita um grande desperdício de papel e não são muitas as pessoas que realmente guardam os convites. Pode sempre imprimir um para recordação. Outra solução é novamente recorrer aos trabalhos manuais.

Decoração

casamento

Quer seja um casamento religioso, quer seja uma cerimónia civil, a decoração é das primeiras coisas a pensar quando se prepara um casamento. Aqui, o Pinterest pode ser uma boa ajuda para retirar ideias DIY (do it yourself). Vá a grandes superfícies de material de trabalhos manuais e o que vai precisar para uma decoração única e barata. Dá mais trabalho, mas a poupança é significativa.

Use a criatividade aproveitando aquilo que já tem em casa, como luzes de Natal, latas, velas, fitas, frascos, fotografias, pedras, galhos e flores. Enfim, vire o Pinterest de uma ponta à outra e faça você mesmo.

Quanto às flores para os ramos, decoração da festa ou da igreja, prefira flores da época porque são mais fáceis de encontrar e mais baratas. Se optar por um estilo campestre, mais em conta fica.

Copo de água

banquete

Se quer mesmo poupar no copo de água, deixe de parte a ideia de uma quinta. Porque na verdade, não está só a alugar o espaço físico, está a alugar todos os serviços adjacentes.Se tem um familiar ou amigo com uma casa ou jardim grande, peça-lhe para fazer lá o casamento. Se não tem, em vez de começar já a pensar em quintas ou restaurantes, considere alugar uma casa de turismo rural e faça lá a festa.

catering é onde os noivos gastam mais dinheiro. Mas é possível fazer diferente! Uma vez que são poucos convidados, deixe a cerimónia mais para o final da tarde e faça um lanche ajantarado. Ou casem bem cedo e junte todos para um pequeno-almoço como os das novelas, para um brunch ou um piquenique. Se vai fazer em casa de familiares ou amigos, peça ajuda a todos e preparem a comida antecipadamente.

Outra forma de poupar no catering é servir um só prato (com alternativa para os vegan/vegetarianos), mas com bastantes opções de entradas e sobremesas, por exemplo, já lhe permitem poupar muitos euros. Pode também chegar a acordo com quem vai tratar do catering e comprar você mesmo as bebidas, por exemplo;

Num casamento, não pode faltar o bolo dos noivos. Se a sua prima tem mão para os doces, peça-lhe que faça o vosso bolo. Uma massa de pão de ló, recheio de compota e creamcheese e fica delicioso. Inspire-se nas receitas da Martha Stewart.

Vestido & Fato

vestido noiva

Se quer casar de vestido branco comprido como manda a tradição, mesmo num casamento low cost é possível. Várias marcas de pronto a vestir, têm vestidos brancos nas suas coleções, basta espreitar a asos, a BHLDN, a ModCloth ou a Mango. Em alternativa, peça a uma costureira que faça o seu vestido de sonho (compre os tecidos em feiras; é muito mais barato!).

Comprar o vestido online é também uma forma de poupar. Procure outlets e lojas como a RoseGal. Pode optar por ser uma noiva menos tradicional e casar com outras cores, de macacão ou até fato branco. Uma das opções mais procuradas é comprar os tecidos pretendidos e mandar fazer o vestido numa costureira.

Os noivos têm mais sorte. Praticamente em qualquer loja encontra fatos, com bom corte, a preços muito em conta. Arrisque nas meias ou na gravata para dar um toque diferente.

Fotografia e vídeo

De certeza que tem um amigo com talento para a fotografia e vídeo. Peça-lhe que seja o repórter do vosso dia. Se não quer arriscar, contrate um fotografo profissional apenas para a cerimónia e algumas fotografias com os convidados. Crie uma hashtags para o casamento com o nome dos noivos e peça aos amigos para usaram na publicação das fotos, assim sempre terá muitos registos que depois pode guardar e imprimir.

Outras dicas úteis

  • Tenha atenção ao número de convidados. É o que vai determinar o seu como um casamento low cost. Mais convidados implica alugar um espaço maior e logo aí, os custos aumentam exponencialmente. É muito complicado ter um casamento low cost com mais de cem convidados. Isto implica um espaço maior, um serviço mais tradicional e fica difícil fugir dos cerca de 100 euros por pessoa (contando com todas as despesas). Convide apenas a família e os amigos mais próximos, aqueles que estão sempre presentes e que são testemunhas do vosso amor.
  • Se casar num dia da semana, mesmo em época alta, os preços são muito mais em conta no que toca a igrejas e espaços para o copo-de-água. Assim como casar durante a “época baixa”. Não é tão fácil para os convidados, porque podem ter que tirar dias de férias, mas sendo poucos, talvez consigam encontrar uma data que sirva a todos.
  • Uma forma de poupar no catering é ser seletivo relativamente à hora a que faz a refeição. Um lanche ajantarado, com um só prato (com alternativa para os vegan/vegetarianos), mas com bastantes opções de entradas e sobremesas, por exemplo, já lhe permitem poupar muitos euros. Pode também chegar a acordo com quem vai tratar do catering e comprar você mesmo as bebidas, por exemplo;
  • Não precisa de contratar um DJ ou banda se fizer a sua própria playlist. A 10 músicas para casamento que vão ficar na memória fica completamente ao seu gosto e só precisa de ajuda para garantir que o som vai ter qualidade e em que altura passar determinadas faixas – os padrinhos podem ajudar.

Veja também: