Publicidade:

As 7 estátuas mais bizarras de sempre

Ícones do desporto, da música, da moda, da tecnologia e da História retratadas de forma insólita. São as estátuas mais bizarras que conhecemos.

As 7 estátuas mais bizarras de sempre
Estátuas que surpreendem pela sua rebeldia e falta de graciosidade

As estátuas mais bizarras de sempre retratam, na sua maioria, pessoas famosas ou mesmo ícones da atualidade. São bizarras porque, no âmbito do ofício da estatuária, são muito fora do comum. Não pretendem ter o nível de realismo das que estão, por exemplo, nos Museus Madame Tussauds. Digamos, sem qualquer tom depreciativo, que se destacam pelas suas características diferenciadoras, não primam pela graciosidade nem pela sua beleza intrínseca. São apenas insólitas.

As 7 estátuas mais bizarras

1. Steve Jobs

estatua

Em 2014 foi revelada ao público o modelo da estátua que ganhou o concurso internacional de arte que a Apple organizou para comemorar o 59º aniversário de Steve Jobs. No modelo, da autoria do escultor sérvio Dragan Radenovic,  a cabeça de Jobs encima um volume vertical do qual emergem os números da linguagem binária – 1 e 0. A estátua foi projetada para ter uma dimensão de aproximadamente 5 metros e será instalada no quartel-general da Apple na Califórnia.

2. São Bartolomeu

bartolomeu

A estátua de São Bartolomeu situada na Catedral de Milão (“Duomo di Milano – Santa Maria Nascente”) é muito fora do comum – se tivermos em consideração que data do século XVI, portanto da época do Renascimento.

É da autoria do escultor italiano Marco d’ Agrate (1500-1574) e retrata o apóstolo de Jesus Cristo, o qual, de acordo com fontes históricas, foi esfolado. Tal como retratado no “Juízo Final” (1535-1541) de Miguel Ângelo – fresco da Capela Sistina, em Roma -, São Bartolomeu aparece a carregar a sua própria pele e o corpo da estátua propriamente dita revela os detalhes anatómicos de uma figura humana esfolada. Para além de bizarra, esta estátua é um pouco perturbadora.

3. Charles Joseph La Trobe

charles

O primeiro tenente-governador do estado de Vitória, na Austrália, figura que o escultor Charles Robb imortaliza nesta estátua – situada no Campus de La Trobe University – , está representado de pernas para o ar. Segundo o escultor, esta disposição particular da estátua visa retratar o espírito visionário e crítico do tenente-governador que os estudantes universitários devem seguir.

4. Andy Murray, Roger Federer, Rafael Nadal

tenis

O tenista britânico Andy Murray, hoje o número um mundial, foi homenageado em 2011 com uma estátua de terra cota – com referência ao tradicional guerreiro chinês – por ter vencido o Rolex Masters, em Xangai. Esta é uma tradição do evento que já conta com estátuas dos ícones Roger Federer e Rafael Nadal.

5. Kate Moss

moss

No âmbito das estátuas mais bizarras, não podíamos deixar de fazer referência a esta estátua que representa a conhecida modelo britânica Kate Moss. Intitulada “Siren”, encomendada pelo British Museum ao escultor Marc Quin em 2008, a estátua, vazada a ouro, representa a modelo numa posição de yoga.

6. David Beckhan e Cristiano Ronaldo

beckam

Juntamos estas duas estátuas dado que ambas foram alvo de alguma polémica pelas mesmas razões. A primeira, de Beckhan, com uma edição de 9 estátuas – espalhadas por Nova Iorque, Los Angeles e São Francisco –  de 3 metros cada uma e da responsabilidade da marca de vestuário H&M. A segunda, de Ronaldo, uma estátua de bronze, também com 3 metros de altura, figura no Funchal. Causaram algum celeuma por exagerarem, digamos assim, a virilidade de ambos os jogadores.

7. Kurt Cobain

cobain

Para terminar esta seleção de estátuas mais bizarras, partilhamos esta do músico americano, falecido em 1994. ‘A estátua que chora’, como lhe chamam, foi instalada num Museu da cidade-natal de Cobain, Aberdeen/Washington.

Veja também: