ebook
GUIA DO IRS
Patrocinado por Reorganiza
Paula Landeiro
Paula Landeiro
28 Dez, 2021 - 10:00

Comparador de comissões bancárias do Banco de Portugal: como funciona

Paula Landeiro

Ninguém melhor para proteger os nossos interesses do que o Banco de Portugal. Saiba como usar o comparador de comissões bancárias para pagar menos.

comparador de comissões bancárias

O desconhecimento por parte dos consumidores é quase sempre fonte de receita dos bancos. Assim,  para evitar que as instituições lucrem com a falta de informação dos clientes, o Banco de Portugal (BdP) disponibiliza no seu site uma ferramenta que permite, de forma simples, saber e comparar comissões nos principais serviços bancários:  o comparador de comissões bancárias.

Bancos, operações bancárias e comissões são a rima mais comum quando o assunto é dinheiro. Nos bancos tudo se paga: transferir, depositar, levantar, pagar, até receber… tudo é sujeito a comissões e taxas que aparecem de surpresa e, não raras vezes, tornam valores inicialmente irrelevantes em contas amargas para pagar.

O problema aqui é: quantos de nós conhecem, ao certo, as comissões que estamos a pagar ao banco? Mais ainda: quantos de nós sabem se essas comissões são melhores ou piores que as da concorrência?

Como funciona o comparador de comissões bancárias do BdP

A ideia do comparador de comissões bancárias do Banco de Portugal é trazer transparência às tabelas de preços dos bancos. Encontra-se disponível no Portal do Cliente Bancário e pode ser facilmente usada por qualquer cidadão.

Se há uns anos atrás tentasse comparar os custos das operações de diferentes bancos, certamente se teria apercebido que os nomes não eram iguais em todo o lado. Por exemplo, existiam comissões cobradas em apenas algumas instituições. Mas isso não queria dizer que os outros bancos concorrentes não tivessem outras comissões, com outros nomes, que acabassem por representar um custo semelhante.

O Banco de Portugal, que já tinha imposto a normalização do preçário dos bancos em termos de formato e disponibilização de informação por produtos, iniciou um trabalho de normalização no nome das comissões, o que simplifica a identificação e comparação das mesmas.

Mesmo assim, sem esta ferramenta, a comparação entre instituições seria morosa e porventura mais difícil.

O comparador de comissões permite de uma forma simples e rápida comparar as comissões relativas a serviços associados a contas de pagamento, nomeadamente os custos com a manutenção de conta (incluindo de conta pacote), disponibilização de cartões de débito e de crédito, levantamento de numerário, aquisição de cheques e transferências.

Para uma melhor leitura  todas as comissões são agrupadas por tipo (manutenção de conta, custo de operações, etc.) e comparadas diretamente.

Note que os bancos fixam livremente as comissões que cobram pelo serviços bancários. Mas têm obrigatoriamente de cumprir os limites e condições fixados na lei, quando existem.

O que oferece o serviço?

O serviço do Banco de Portugal permite comparar por instituição ou por serviço as comissões máximas praticadas por cada banco, discriminando as comissões por plataforma, já que nos bancos a tabela de preços dos serviços ao balcão não é igual à dos serviços prestados online. No comparador de preços do regulador vai encontrar tudo, bem separado e organizado, para que não fique com dúvidas nem com “meias verdades”.

Note que as comissões indicadas no comparador incluem já os impostos à taxa legal em vigor, ao contrário do que é visível nos preçários dos bancos. Nestes constam, em duas colunas distintas, a comissão e o imposto a aplicar. No comparador, o preço apresentado é o preço final. Assim fica realmente a saber o que lhe podem cobrar.  

As comissões apresentadas pelo Banco de Portugal são fornecidas regularmente pelos próprios bancos, sendo atualizadas diariamente nos dias úteis até às 00:00h. O Banco de Portugal apresenta as comissões sem qualquer tipo de análise, ou seja, não faz aconselhamento, já que só pretende tornar a informação mais acessível para que os consumidores tomem decisões e façam escolhas conscientes.

Como fazer a comparação ?

Entrando na plataforma, a comparação pode ser feita de duas maneiras:

1. Por instituição de crédito

Pode escolher até três instituições. Verá então as comissões que os bancos que escolheu cobram.

2. Por serviço

Na seleção por serviço, pode escolher até três serviços para comparar as comissões, sendo que pode igualmente selecionar vários canais de comercialização. Verá as comissões cobradas pela totalidade dos bancos para o(s) serviço(s) selecionados. Note, no entanto, que no caso de escolher mais do que um serviço a leitura torna-se mais difícil.

Para os serviços incluídos no comparador não disponibilizados por uma instituição, surgirá a indicação “serviço indisponível”.

Os dados devolvidos pelo comparador em cada pesquisa podem ser impressos, mas são ainda exportáveis, pelo que pode passá-los para uma folha de cálculo e, a partir daí, construir um documento de análise individual feito à medida das suas necessidades.

Existe ainda a possibilidade de obter de uma só vez os dados de todos os bancos, fazendo o download dos mesmos no formato .xls ou .csv, no botão existente para o efeito na página principal do comparador de comissões.

Caso tenha dúvidas adicionais sobre o funcionamento do comparador pode ver o vídeo explicativo aqui ou consultar o glossário relativo aos termos utilizados aqui.

Veja também